ago 05

Empresa cria sistema de IA para evitar brigas no balcão de bar

Ao se aproximar do balcão, cada cliente é identificado com um número, gerado pelo software de reconhecimento facial da DataSparQ; dessa maneira o barman sabe quem deve atender primeiro

O SISTEMA AI BAR, CRIADO PELA EMPRESA DE DADOS BRITÂNICA DATASPARQ (FOTO: REPRODUÇÃO/YOUTUBE)

Quem nunca teve que gritar mais alto, ou disputar espaço no balcão de bar, para finalmente conseguir pedir uma bebida? A inteligência artificial, quem diria, pode ajudar o cliente a ter acesso ao seu drinque favorito. O sistema AI Bar, criado pela empresa de dados britânica DataSparQ, usa o reconhecimento facial para criar uma “fila virtual inteligente”. Um software identifica cada cliente que se aproxima do balcão do bar e lhe confere um número, de acordo com a ordem de chegada. Dessa maneira, o barman sempre saberá quem atender primeiro. O sistema está em fase de testes no bar 5cc Harrild & Sons, em Londres, no Reino Unido.

O AI Bar conta ainda com um dispositivo de vídeo, que exibe a fila virtual, determinando um número para cada rosco. Além de não perder seu lugar, o cliente ainda pode saber o tempo estimado para entrega do pedido. O software também conta com uma verificação de idade automática. Ou seja, se o sistema de IA achar que o cliente tem menos 18 anos, o barman será alertado para pedir uma identificação antes de anotar o pedido.

A tecnologia também gera insights para o dono do bar, com dados como tipos de bebidas mais pedidas e horários de pico. O único senão é que os os dados não são armazenados – ao final de cada noite, as informações são deletadas do software e do sistema de armazenamento na nuvem.

A empresa estuda acrescentar outras funcionalidades ao sistema. Uma delas seria a possibilidade de refazer o pedido automaticamente por meio de reconhecimento facial. O preço estimado para adquirir o software será de £199 (R$ 930).

Segundo a empresa, o tempo economizado pelo sistema permitiria aos funcionários servir mais de 36 milhões de bebidas no Reino Unido. O AI Bar teria ainda o potencial de diminuir o tempo total que um inglês gasta esperando seus pedidos ao longo da vida – estimado em dois meses.

“O AI Bar maximizar nosso potencial de atendimento e elimina o empurra-empurra no balcão, quando o bar está mais cheio”, disse Luka Kovijanić, barman no 5cc Harrild & Sons, ao Engadget.

Essa não é a primeira vez que a IA é usada para automatizar funções em umo bar. O Toni, da empresa Makr Shakr, é um robô-barman que consegue preparar até 80 drinques por hora.

Confira no vídeo abaixo o funcionamento do AI Bar:

FONTE: ÉPOCA