nov 17

5 Empresas que vendem na Amazon Brasil para você se inspirar

Transformar o sonho de ter o próprio negócio e conseguir ter sucesso no Ecommerce está mais próximo do que você imagina…

Você só precisa dar o primeiro passo se inspirando com histórias de VERDADE!

Sabe aqueles casos de empreendedores que alcançaram grandes resultados e são referência no mercado?

São essas histórias que aquecem o coração e dão um gás a mais para você correr atrás do seus objetivos!

Então, é sempre bom ter referências de sucesso para ajudar você a se tornar um empreendedor de encher os olhos.

E um dos melhores lugares para começar a vender online é por meio dos grandes Marketplaces do mercado como, por exemplo, a Amazon Brasil.

Por isso, selecionamos 5 casos de sucesso de empreendedores que começaram a vender na Amazon e hoje são destaques na plataforma.

Mas antes de conferir cada uma dessas histórias com mais detalhes, vamos explicar porque você precisa começar a vender na Amazon Brasil…

Por que vender na Amazon Brasil?

Não dá para negar que a Amazon é um dos Marketplaces que mais cresce no Brasil… E isso nós podemos comprovar com dados:

De acordo com o próprio Marketplace, os pequenos e médios empreendedores são responsáveis por 58% das vendas na Amazon Brasil.

Além disso, esses vendedores crescem por volta de 52% ao ano!

Essas informações comprovam que se você está começando a vender na internet e quer dar visibilidade à marca, a Amazon é a melhor opção!

Sem contar, é claro, que a Amazon é líder em Ecommerce e tecnologia em uma escala MUNDIAL!

Toda essa potência do marketplace, aliada com o seu sonho de empreender é a mistura ideal para caminhar em direção ao sucesso…

E nós temos histórias reais e inspiradoras que comprovam isso…

Vamos conhecer cada uma delas!

1- Primeiros da NET

A primeira história inspiradora é a do Gileno, sócio e fundador da Primeiros da NET.

Ele trabalhava como operador de máquinas de uma fábrica de Decorações e durante a noite fazia faculdade…

Uma rotina muito corrida, mas que é a realidade para muitas pessoas que correm atrás dos seus sonhos…

Com o crescimento das vendas online, principalmente nos marketplaces, o Gileno sugeriu para o seu chefe vender produtos na internet, mas não necessariamente de decoração…

A ideia dele era abrir um negócio no segmento de acessórios para celulares!

Seu chefe abraçou a ideia e, em 2017, Gileno começou a vender os produtos no Marketplace da Amazon, de casa mesmo, no quarto de sua esposa.

Nesse mesmo ano, a Amazon tinha acabado de lançar a categoria de eletrônicos, por isso o nome: Primeiros da NET!

Aos poucos, as vendas foram aumentando e o quarto já não era mais o suficiente para administrar tantas encomendas…

Então, em parceria com a própria Amazon, a Primeiros da NET já está em busca de  um espaço maior para expandir o negócio!

Devido ao grande crescimento da plataforma, hoje o principal canal de venda da empresa é a Amazon Brasil.

Além disso, Genildo conta que realizar o sonho de ter o próprio negócio trouxe a liberdade de programar uma folga durante a semana ou as férias no período que deseja…

Sem contar a possibilidade de levar o filho de 2 anos ao escritório no fim da tarde, o que faz com que ele fique mais próximo da família.

Essa é uma história de sucesso que inspira pessoas que desejam ter mais liberdade diante da rotina de trabalho… e que dificilmente é possível quando você trabalha para outras empresas.

2- Webfones

A ideia de abrir um negócio surgiu de uma insatisfação com o que estava vivendo no momento com o emprego que tinha…

Apesar de já trabalhar com Ecommerce, Guilherme Ribeiro queria ter a sua própria empresa e decidiu abrir uma loja online especializada em smartphones.

Ele simplesmente abandonou o emprego anterior e correu atrás da meta de empreender por conta própria…

Tudo começou numa mesa que ficava na sala de estar da casa de Guilherme. Foi ali que ele estruturou o negócio e escolheu o marketplace da Amazon Brasil para ser principal canal de venda.

No primeiro mês ele vendeu R$1000, no segundo o faturamento pulou para R$10.000 e assim continuou evoluindo…

E o sucesso foi certo!

Hoje, a Webfones tem mais de 50 funcionários e trabalha com diversos tipos de produtos, como:

  • Smartphones;
  • Games;
  • Eletroportáteis;
  • Esporte e Lazer.

O Guilherme conta que o principal ensinamento que a Amazon Brasil passou para ele como seller da plataforma foi o foco no consumidor.

Afinal, o consumidor é a base para que as vendas sejam um sucesso!

3- LT2 Shop

Em 2015, Marcos tinha acabado de completar 15 anos de trabalho em uma distribuidora…

Depois de vários anos de dedicação, ele resolveu mudar de vida e abrir o próprio negócio.

Foi um novo desafio, mas nada que o Marcos não estivesse disposto a superar!

Para ajudar nessa nova jornada, ele chamou seu irmão, William, para dar início do que seria a LT2 Shop, loja online de livros.

Os dois começaram a vender na Amazon Brasil e todos os dias embalavam de 5 a 10 pedidos em casa mesmo.

Aos poucos, eles viram o grande potencial das vendas no marketplace e começaram a crescer…

Foram evoluindo, aumentando  o número de pedidos, desenvolvendo novos setores da empresa…

E o quarto da casa já não dava conta de tantos pedidos!

Então, eles alugaram uma sede 19 metros quadrados… Mas logo depois precisaram de um espaço bem maior de 200 metros!

Para os irmãos, a Amazon foi um divisor de águas para as vendas, já que a presença digital é fundamental para qualquer negócio…

E aproveitar um marketplace que oferece a estrutura necessária para vender na internet pode deixar o vendedor um passo à frente da concorrência.

Foi isso que aconteceu com Marcos e William!

4- Kah-Noa Cosméticos

A atitude de parar de usar produtos químicos no cabelo fez com que a Pamela Waldino tivesse a ideia de vender produtos naturais para cabelo.

Por muitos anos, ela foi refém de produtos de alisamento…

Até que um dia Pamela decidiu pesquisar mais sobre produtos naturais e os benefícios deles para o cabelo.

Afinal, quando ela resolveu parar de usar química, ela testou misturas naturais e deram super certo, bem mais do que os produtos cheios de promessas que circulam pelo mercado.

Então, depois de ter adquirido muito conhecimento sobre cabelos cacheados e ter passado pela transição capilar, ela quis transformar esse processo em um negócio…

Assim, ela fundou a Kah-Noa Cosméticos, uma empresa de produtos naturais para cabelo, junto com o Sheldon, CO-fundador da loja.

Mas, como todas as empresas, a Kah-Noa também sofreu com os impactos do coronavírus no Brasil…

Até então, eles não vendiam na internet, apenas na loja presencial… E eram bem resistentes com a ideia de vender online.

Só que com o isolamento social, eles não viram outra saída e voltaram os olhares para o Ecommerce.

Nesse processo, Pamela e Sheldon começaram a vender no Marketplace da Amazon, pois durante as pesquisas, descobriram o potencial dos marketplaces no comércio eletrônico.

E isso foi a virada de chave e o alívio para um momento de crise…

No dia seguinte, os dois foram olhar a plataforma do vendedor dentro do marketplace e não conseguiram acreditar na quantidade de pedidos!

Para eles, a presença digital da empresa dentro da Amazon foi determinante para o sucesso da marca na internet.

5- Part.B

Essa história começou com um simples par de meias, um produto que todo mundo usa e que faz parte da rotina…

Em 2018, Rogério Conti conheceu o dono de uma fábrica de meias, segmento bem específico, o que é ótimo para quem quer começar a vender…

Sem pensar duas vezes, ele montou a loja para vender as meias de diversos temas e cores diferentes…

Assim, ele fundou a loja Part.B!

As vendas começaram a fluir e, em apenas 2 anos e meio, a loja passou a vender diversas roupas de fabricação própria.

Até então, o Rogério ainda não vendia na Amazon… Uma amigo dele que ligou avisando que a categoria de moda tinha sido liberada pelo Marketplace.

O Rogério viu aí uma grande oportunidade de expandir a marca e alcançar mais pessoas…

No mesmo dia, ele entrou no site, fez o cadastro da empresa na Amazon Brasil e começou a vender por lá..

No dia seguinte, as vendas já estavam acontecendo!

A partir disso, o Rogério viu que a Amazon poderia mudar o negócio dele para melhor…

E foi isso mesmo que aconteceu!

A Part.B passou de 15 vendas por dia para mais de 100 vendas, um salto muito significativo no número de vendas.

Essa é mais uma história que motiva qualquer empreendedor a seguir em busca de ter um negócio de sucesso…

E o que todas essas histórias têm em comum?

Todas elas apostaram na Amazon como um dos principais, senão o principal canal de vendas da empresa…

Sem mistério, todos eles se cadastram, anunciaram os produtos e passaram a vender na internet dentro de um dos maiores marketplaces do país!

Você quer ter um Ecommerce de Sucesso assim como eles? Então, precisa saber disso aqui…

Comece a vender na Amazon Brasil e tenha um Ecommerce de Sucesso

Aproveite os milhares de clientes ativos dentro do site, os diversos benefícios e as chances de vender muito que a Amazon Brasil oferece para você.

Desde do ano 2000, a Amazon ajuda empreendedores a aumentar as vendas e alcançar novos clientes no mundo inteiro.

Considere todos os benefícios de vender na Amazon e faça parte de um dos maiores Marketplaces do Brasil.

FONTE: https://ecommercenapratica.com/empresas-que-vendem-na-amazon-brasil?utm_source=facebook&utm_medium=post&utm_campaign=edz-lead&utm_content=161121_empresas-que-vendem-na-amazon-brasil&fbclid=IwAR35hk3HxWOVf58keg0ZqBV4k4ZfH3xVYS0j-snwTI2ajo1fsI_pNBJcRIk