maio 13

VouD e Scoo lançam estações de patinetes elétricas seguras

Instrutores nas estações explicam funcionamento e entregam capacete para clientes

As patinetes elétricas da VouD e Scooganharam estações seguras. O sistema de transporte alternativo, com app para celulares Android e iPhone (iOS), agora disponibiliza instrutores nos postos para entregar capacetes e prevenir acidentes. A medida veio na esteira de polêmicas que envolveram falta de proteção no serviço e causaram cerca de 100 vítimas no Rio de Janeiro, com registros de janeiro a abril de 2019. As ocorrências podem ser um reflexo do aumento do uso desse tipo de plataforma – a Tembici elevou em 1268% os usuários, de dezembro a abril deste ano.

As duas empresas apostam em estações fixas com profissionais habilitados para dar instruções de funcionamento do aparelho e solucionar dúvida. Vale lembrar que ainda não há uma regulamentação para o novo estilo de locomoção. Até o momento, foram lançados quatro postos, distribuídos nas regiões da Vila Olímpia e Faria Lima, em São Paulo, conhecidas pelo número de empreendimentos comerciais. As atividades da VouD e Scoo se mantêm concentrada no eixo de Rio de Janeiro e São Paulo.

A Scoo, responsável pela gestão das patinetes, promete atender à necessidade de transporte urbano de forma segura, considerando motos, pedestres e carros. O objetivo é diminuir e prevenir possíveis casos de acidentes com o uso de seu aparelho. “As estações têm o papel de possibilitar segurança na locomoção. Além disso, nos esforçamos para oferecer mais integração com baixo custo e tornar o meio de transporte mais acessível a todos”, declarou Rubens Gil Filho, executivo da empresa.

O funcionamento oferecido pela plataforma VouD cobra o valor de R$ 4,30 para os primeiros 15 minutos de aluguel da patinete elétrica. Após o período, a taxa passa a ser de R$ 0,45 e o pagamento é realizado de forma nativa pelo aplicativo. Os interessados podem baixar – de forma gratuita – o software nas lojas oficiais da Google Play, para smartphones com sistema do Google, e App Store, dedicada a aparelhos da Apple. No momento do uso, basta se conectar ao equipamento via QR Code e, então, o instrutor vai dar as orientações e entregar o capacete. Com o término do aluguel, o cliente deve encontrar uma estação para devolver a patinete e o acessório de segurança.

FONTE: TECH TUDO