mar 09

Internet das Coisas e Cidades Inteligentes são discutidas do Iguassu Valley

As reuniões do Iguassu Valley Toledo são abertas a todos os interessados e acontecem todas as sextas-feiras, das 8h às 9h, no auditório da Acit.

Internet das Coisas e Cidades Inteligentes foram temas do encontro semanal do Iguassu Valley Toledo no auditório da Associação Comercial e Empresarial de Toledo (Acit).

O professor Edson Tavares de Camargo, da área de Informática da Universidade Federal Tecnológica do Paraná (UTFPR – campus Toledo), apresentou as iniciativas e projetos que estão sendo desenvolvidos nesta área para o município de Toledo, em conjunto com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente.

De uma forma bem simples, Internet das Coisas é o modo como os objetos físicos estão conectados e se comunicam entre si e com o usuário, através de sensores inteligentes e softwares que transmitem dados para uma rede. Mas o que dá para fazer com isso foi explicado pelo professor. “Estamos desenvolvendo alguns projetos de forma prática, mostrando o potencial da tecnologia e o que é possível fazer para avançar no desenvolvimento da nossa cidade”, frisa Camargo.

Conforme o professor, tratam-se de projetos que abrangem o monitoramento da qualidade do ar e de odor, da qualidade da água, rastreamento de veículos da coleta seletiva de lixo e ainda a instalação de uma rede de longo alcance no município que permita a comunicação destes sensores.

O conceito de Internet das Coisas, a princípio parece algo distante, contudo já são usados alguns objetos que integram este conceito, como alguns sistemas modernos de alarmes em residências, que possibilitam o envio de ocorrências por e-mail; câmeras de segurança que têm capacidade de reconhecer objetos, entre outros. “Temos incorporados alguns destes objetos, mas tudo isso ainda vem de fora a um preço muito caro. A ideia é começar a desenvolver aqui as tecnologias e fazer a mesma coisa ou até melhor. Temos um campo enorme de possibilidades em se tratando de Internet das Coisas e cidades inteligentes ou mesmo no meio rural e Toledo tem uma tradição de ser inovadora”, destaca o professor.

Para o coordenador do Iguassu Valley Toledo, Márcio Pinheiro, novamente o encontro cumpriu com a missão de inspirar as pessoas, ser uma injeção semanal de tecnologia, informação, inovação e empreendedorismo. “O futuro já está aqui, isso é fantástico, e estas iniciativas sendo desenvolvidas no que diz respeito a Internet das Coisas e cidades inteligentes poderão estar em funcionamento a médio prazo em Toledo, contribuindo ainda mais para o desenvolvimento local”, afirma.

As reuniões do Iguassu Valley Toledo são abertas a todos os interessados e acontecem todas as sextas-feiras, das 8h às 9h, no auditório da Acit.

FONTE: TOLEDO