maio 11

Facebook pode estar desenvolvendo seu próprio satélite de internet

O Facebook pode ter firmado um acordo com a FCC (Federal Communications Commisions), segundo documento do próprio órgão, para o desenvolvimento de um satélite experimental de telecomunicações.

O projeto pode estar em andamento com a empresa PointView Tech, e o satélite, batizado de Athena, tem potência para fornecer dados de forma 10 vezes mais rápida que o primeiro satélite da SpaceX, o Starlink, lançado em fevereiro.

Athena deve entrar em órbita baixa em 2019 com a ajuda de um foguete Vega, da Arianespace, e pode pesar aproximadamente 150 quilos, sendo o mesmo peso dos satélites das concorrentes SpaceX e OneWeb. O projeto do Facebook vai usar sinais de rádio de alta frequência para que as taxas de dados enviadas sejam ainda mais rápidas. A expectativa é que ele utilize o sistema e-band e consiga fornecer até 10 gigabits por segundo.

Segundo o documento da FCC, a PointView está tentando descobrir se o sistema e-band poderá ser usado para fornecer internet fixa e móvel em áreas não beneficiadas com sinal de internet.

A PointView é uma subsidiária do Facebook que ainda está em seus passos iniciais. Ela foi fundada no ano passado para que os planos da rede social em relação ao espaço fiquem em segredo.

FONTE: CANAL TECH