maio 16

Empresa brasileira cria capacete dobrável e que pode ser guardado na bolsa

Segundo a criadora do produto, o acessório protege como um capacete comum e é do tamanho de um leque quando fechado

Uma empresa chamada Scheeeins anunciou o lançamento de um capacete dobrável no qual trabalhou durante 8 meses. Os esforços resultaram no KP7, que tem tecnologia semelhante a uma colmeia de abelhas: protege contra grandes impactos e, como dissemos antes, pode ser dobrado e alocado em diversos compartimentos.

O material usado para sua confecção é a fibra de celulose. Isso o torna atrativo para os adeptos das modalidades de transporte ecofriendly, como as bicicletas e os patinetes. Além disso, é possível guardá-lo com muito mais facilidade que um capacete rígido. “Nós decidimos criar um capacete seguro e prático. É muito importante ser dobrável e caber em uma bolsa. Realizamos uma pesquisa e identificamos que as pessoas não usam o capacete por acharem inconveniente carregar”, explica Victor Reis, fundador da Scheeeins.

Você deve estar se perguntando se é inteligente proteger a cabeça com papel. Em sua defesa, a fabricante garante que o produto é realmente resistente. “Acreditamos que com o KP7 o uso dos capacetes terá uma aceitação melhor dos usuários de patinete e ao mesmo tempo evitará acidentes e até possíveis mortes”, finaliza Reis.

Reis não divulgou o preço do produto, nem mesmo quando ele será lançado. No entanto, empresário afirmou que já está negociando o acessório com empresas dos EUA e França.

 FONTE: CANAL TECH