set 23

APÓS 50 ANOS DE EXPLORAÇÃO ROBÓTICA, MARTE ACUMULA 7,1 KG DE LIXO HUMANO

Equipamentos descartados, naves espaciais inativas e destroços das missões estão espalhados pelo Planeta Vermelho

Conforme informações do Escritório das Nações Unidas para Assuntos Espaciais Exteriores, 18 objetos feitos por humanos foram enviados à superfície de Marte em 14 missões separadas ao longo de mais de 50 anos.

Nesse período de exploração robótica, diversos detritos acabaram por ficar no Planeta Vermelho. Esses materiais são vez ou outra encontrados por robôs.

Em agosto deste ano, por exemplo, a Nasa confirmou que o Perseverance havia avistado um emaranhado de fios em Marte, o qual teria sido lançado durante seu desembarque.

Composição do lixo

De acordo com informações da revista Galileu, os detritos em Marte são compostos por equipamentos descartados, naves espaciais inativas, além de alguns destroços, que somam 7,1 kg de lixo humano.

Segundo a fonte, toda nave que chega à superfície marciana necessita de um módulo que a proteja. Esse módulo conta com um escudo térmico para que a nave possa passar pela atmosfera do planeta, além de um paraquedas e equipamentos de pouso para que  pouse de forma suave. Quando ela chega à superfície, descarta pedaços do módulo, que acabam se espalhando pelo planeta.

FONTE: https://aventurasnahistoria.uol.com.br/noticias/historia-hoje/apos-50-anos-de-exploracao-robotica-marte-acumula-71-kg-de-lixo-humano.phtml