set 04

Woebot: o assistente pessoal inteligente que quer ajudar a sua saúde mental

Embora não seja um substituto total à orientação por parte de um profissional, pode ensinar-lhe estratégias para controlar o stress, mas também para lidar com situações de ansiedade, de solidão ou até mesmo sintomas de depressão.

O regresso ao trabalho está a deixá-lo nervoso? Ainda antes de chegar, a primeira semana de universidade está já a despoletar uma onda de stress? Se considera que a sua saúde mental já viu dias melhores e precisa de desabafar com alguém que não o julgue, agora pode fazê-lo com a ajuda do Woebot.

A aplicação gratuita que ganhou o Google Play Award 2019, na categoria de melhor app de bem-estar, foi lançada em 2017, por uma equipa de investigadoras da Universidade de Stanford que queriam tornar mais amplamente acessível o acesso à boa saúde mental.

Sempre que o utilizador necessitar, pode aceder à aplicação e conversar com um assistente pessoal inteligente preparado para o ouvir e guiá-lo por momentos difíceis, mantendo todos os registos de interações privados.

Embora não seja um substituto total à orientação por parte de um profissional, a aplicação pode ajudar o utilizador através de ferramentas com base na terapia cognitivo-comportamental. Além disso, a funcionalidade de acompanhamento emocional pode possibilitar um maior entendimento sobre si próprio.

Se o utilizador precisar de uma motivação extra pode ler os testemunhos da equipa de profissionais da área da psicologia por trás da aplicação, os quais podem ensinar-lhe não só estratégias para controlar o stress, mas também para lidar com situações de ansiedade, de tristeza e de solidão ou até mesmo sintomas de depressão.

FONTE: SAPO