jun 14

Wattway: estrada transforma luz solar em energia elétrica

Na França, foi desenvolvido um pavimento fotovoltaico que serve, ao mesmo tempo, como estrada e gerador de energia

Você já imaginou um asfalto capaz de transformar a luz do sol em energia elétrica? Parece muito surreal? Saiba então que uma empresa francesa já patenteou a ideia e já está colocando o projeto em prática.

Fruto de 5 anos de pesquisa encabeçada pela Colas, líder mundial em infraestrutura de transporte, e pela INES (Instituto Nacional Francês para Energia Solar), a Wattway é a primeira superfície de estradas fotovoltaica do mundo.

 (Divulgação/Casa.com.br)

A iniciativa produz energia elétrica sem ultrapassar terras agrícolas ou paisagens naturais, além de contribuir para aumentar a participação da eletricidade fotovoltaica na matriz energética, tanto na França quanto no mundo.

A novidade vem em um momento importante: até 2050, a demanda global de energia terá dobrado. Os painéis Wattway unirão, assim, o útil ao agradável. Apenas 10% das estradas são ocupadas somente por veículos em 10% do tempo, enquanto singelos 20 m² de painéis Wattway podem suprir as necessidades elétricas de uma única casa.

Desta forma, os painéis em estrada serão bem aproveitados e promoverão sustentabilidade nas cidades em que forem usados.

 (Divulgação/Casa.com.br)

Para conciliar fragilidade das células fotovoltaicas e a estrutura robusta de uma estrada, a Wattway é composta por células inseridas em camadas sobrepostasque garantem a resistência e a aderência dos pneus.

Além disso, o material tem apenas alguns milímetros de espessura, permitindo a adaptação à dilatação térmica no pavimento, bem como às cargas do veículo, garantia de durabilidade e segurança.

 (Divulgação/Casa.com.br)

Para completar, a Wattway ainda é prática: para ser instalada, não é necessário arrancar a estrutura existente no chão. A pavimentação sustentável pode ser aplicada diretamente na estrada atual, sem necessidade de trabalho de engenharia civil.

Assista abaixo o vídeo de divulgação da ideia:

FONTE: CASA E JARDIM