dez 14

Versões elétricas de Ford Explorer e Lincoln Aviator começarão a ser produzidas em 2024

A produção das versões elétricas do Ford Explorer e do Lincoln Aviator terá início em dezembro de 2024, segundo informações do site Automotive News. Anunciados em maio deste ano, os novos SUVs terão uma plataforma dedicada que a montadora americana ainda está desenvolvendo.

De acordo com o site, que menciona um memorando interno como fonte para os detalhes, os dois modelos devem chegar ao mercado em 2025.

A ideia era que tanto o Ford Explorer (na foto em destaque) quanto o Lincoln Aviator fossem produzidos a partir de meados de 2023 em Cuatitlán Izcalli, no México — a mesma responsável pela preparação do Mustang Mach-E. Mas o cronograma para a linha de montagem atrasou e a Ford optou por outra localidade (que não foi divulgada no memorando), até mesmo para concentrar os esforços da planta mexicana no Mach-E.

O próprio CEO da Ford, Jim Farley, disse na semana passada em sua conta no Twitter que a montadora americana pretende triplicar a produção do crossover no México para mais de 200 mil unidades anuais. Vale lembrar que a fábrica em Cuatitlán Izcalli fornece Mach-Es para o mundo inteiro — exceto para a China, onde a produção se dá de forma local.

Os planos elétricos da Ford

Além do Explorer e do Lincoln Aviator, a Ford possui uma série de veículos elétricos — como o Ford Bronco — para lançar na próxima década. A montadora americana pretende gastar, até 2025, cerca de US$ 30 bilhões (em torno de R$ 170 bi) no processo de eletrificação e espera que 40% das vendas globais sejam somente de EVs até 2030.

O primeiro Lincoln elétrico também deve ser lançado no ano que vem, mesmo ano em que completa cem anos de existência. O SUV de luxo será baseado na nova plataforma da Ford, a Ford Plus, exclusiva para carros movidos a bateria.

FONTE: https://olhardigital.com.br/2021/12/13/carros-e-tecnologia/versoes-eletricas-de-ford-explorer-e-lincoln-aviator-comecarao-a-ser-produzidas-em-2024/