jan 28

Venturi cria primeiro carro elétrico para a Antártida

Mais conhecida por sua equipe de competição na Fórmula E, a fabricante monegasca Venturi resolveu investir em um ramo inusitado. Recentemente, ela se tornou a primeira montadora do mundo a produzir um carro elétrico específico para a Antártida, feito para operar em temperaturas de até -50º C.

Desde dezembro, o modelo, chamado de Venturi Antarctica, é utilizado por membros da estação Princesa Elizabeth, pertencente à Bélgica. Equipado com lagartas e frequentemente atualizado pela Venturi para lidar com o clima do continente, o Antarctica é um explorador polar compacto para serviços pesados. Ele foi desenvolvido a partir de uma geração anterior lançada em 2019 e testada na província da Colúmbia Britânica, oeste do Canadá.

Com 2,18 m de altura e 3,4 m de comprimento, o primeiro carro elétrico da Antártida pesa 2,5 toneladas e transporta até seis pessoas mais equipamentos. Há espaço para dois passageiros na cabine dianteira, com uma seção traseira adaptável que conta com quatro assentos dobráveis. O modelo é alimentado por um par de motores de 60 kW, que extraem energia de uma bateria de 52,6 kWh. O alcance é de 50 quilômetros, mas o carro consegue abrigar uma segunda bateria para viagens mais longas. A recarga, de acordo com informações da Venturi, pode ser feita entre duas e 18 horas, “dependendo do contexto e do clima”.

Venturi Antarctica
Venturi/Divulgação

Desejo da realeza

Ainda segundo a montadora, a criação do Antarctica foi inspirada pelo príncipe Albert II, que queria desenvolver uma máquina que pudesse operar no continente sem afetar o ecossistema. Por enquanto, o carro elétrico tem sido utilizado para trabalhos de manutenção em estações de observação meteorológica na Antártida e na estação de observação atmosférica pertencente à Bélgica, localizada em um platô de 2.300 metros.

A estação Princesa Elizabeth, por sua vez, foi inaugurada em 2009 e é a única base com zero emissões de carbono no continente. A instalação abriga equipes da Fundação Polar Internacional e da Bélgica, operando à base de energia solar e eólica.

FONTE: https://olhardigital.com.br/2022/01/27/carros-e-tecnologia/venturi-cria-primeiro-carro-eletrico-para-a-antartida/