jul 10

Substituto do Google Home é confirmado após vazamento de fotos

Nova caixa de som equipada com Google Assistente deve carregar a marca Nest e ser lançada ainda neste ano

Google decidiu revelar ao público sua nova caixa de som integrada ao Google Assistente após o produto ser vazado em imagens de homologação na FCC, órgão equivalente à Anatel nos Estados Unidos. O produto abandonará o formato característico para adotar um visual que lembra um pouco o Home Max, mas em tamanho menor.

O aparelho também deve deixar para trás a marca Google Home para seguir a nomenclatura que tem sido adotada em outros produtos da linha. Há dois anos, a empresa tem utilizado o nome “Nest” em seus produtos voltados para a casa conectada, como acontece com o Nest Mini, o único da família a ser formalmente lançado no Brasil.

A revelação do Google se deu apenas como um “teaser”, um pequeno vídeo mostrando o speaker em funcionamento. Não é possível deduzir muito sobre o dispositivo além de sua aparência, mas é possível inferir, como percebe o site Android Police, que ele será capaz de se conectar a outros aparelhos similares para reprodução em estéreo, como já é possível com outros dispositivos Google Home e Nest.

O lançamento de um substituto para o Google Home já era esperado há algum tempo. A primeira versão do aparelho foi lançada em 2016 e quatro anos são um intervalo muito longo de tempo dentro da indústria de tecnologia. Empresas costumam atualizar seus dispositivos em um ritmo anual, e é uma surpresa que a primeira versão tenha durado por tanto tempo. O speaker também já está esgotado nas lojas, o que também já era um sinal claro de que a companhia não pretende mais produzi-lo.

Não é a primeira vez que o Google decide dar um “gostinho” de um produto novo após o vazamento das informações. A empresa fez a mesma coisa com o Pixel 4 logo após as primeiras fotos pré-lançamento do smartphone começaram a circular.

Uma explicação para esse comportamento está na necessidade de controlar a mensagem sobre o lançamento. Fotos vazadas em certificações com agências regulatórias são, invariavelmente, tiradas sem cuidado, e podem passar uma impressão errada sobre o dispositivo, ou, no mínimo, uma impressão diferente da que o Google gostaria de passar.

A tendência é que a apresentação formal do substituto do Google Home seja feita em outubro, quando a empresa costuma realizar o evento Made By Google, no qual são apresentadas as novidades de hardware da empresa. Com a crise do coronavírus, é possível que os planos sejam um pouco bagunçados, mas até o momento não há indicativo de mudanças de planos.

FONTE: https://olhardigital.com.br/noticia/substituto-do-google-home-e-confirmado-apos-vazamento-de-fotos/103335