abr 24

Startups e fazenda inteligente serão apresentadas pelo Sebrae na Agrishow

Quinze startups do Estado de São Paulo farão parte da exposição do Sebrae na Agrishow, de 29 de abril a 3 de maio

As inovações criadas por 15 startups voltadas para o agronegócio serão apresentadas no estande do Sebrae durante a Agrishow, uma das principais feiras de tecnologia agrícola do mundo, entre os dias 29 de abril a 3 de maio, em Ribeirão Preto. O espaço também terá a demonstração de uma fazenda inteligente para mostrar como o produtor pode aplicar novas tecnologias para melhorar a tomada de decisões e produtividade no campo.

“Vamos mostrar aos produtores e empreendedores rurais tecnologias acessíveis para obter rentabilidade, fortalecer a gestão e ampliar mercados. Tudo feito por startups apoiadas pelo Sebrae, que oferecem produtos e serviços com alta tecnologia embarcada. Estamos integrando os processos de produção e prestação de serviços para alavancar o potencial de inovação do agronegócio”, afirma Tirso Meirelles, presidente do Sebrae-SP.

As startups participantes fazem parte do movimento AgTech, termo criado no Vale do Silício para se referir às empresas que trabalham com inovação aplicada ao agronegócio, e uma das próximas grandes ondas do mercado global de tecnologia. No primeiro dia, por exemplo, três startups irão expor suas soluções. A Immersus trabalha com um serviço de monitoramento automático e otimização do consumo de ração para pisciculturas. Já a PrevSafra realiza uma estimativa de safra e extração de conhecimento agronômico para cana-de-açúcar. A HeliDrop trabalha com drones para pulverização agrícola automatizada.

Todos as empresas participaram de programas do Sebrae-SP e terão a oportunidade de expor suas soluções e fazer negócios na maior feira de tecnologia agrícola do Brasil. “As decisões no campo baseadas no ‘achismo’ ou no que os mais velhos faziam estão dando lugar ao uso da tecnologia no agronegócio. E as startups fazem parte desse movimento de trazer mais assertividade para tomada de decisões no campo”, destaca o consultor do Sebrae-SP André Cardoso da Silva.

Os visitantes poderão visualizar o uso da tecnologia no campo na Fazenda Inteligente, que será montada no local. Além da maquete, o uso de tecnologias no campo também poderá ser visualizado por meio dos óculos de realidade virtual. Serão mostradas cinco soluções. Para água, sensores do solo norteiam irrigação específica para cada área. Já para carga, os produtos são rastreados durante o transporte e armazenamento. No caso do gado, os chips reúnem dados sobre os animais do nascimento ao abate. A safra tem a produtividade medida em tempo real durante a colheita. E os dados de sensores orientam uso de sementes e de agroquímicos para monitorar as propriedades do solo.

Visita
Vinte e quatro missões técnicas partirão de 16 regiões do Estado de São Paulo com 1.112 produtores rurais e empresários para conhecer as novidades do setor. Participarão produtores dos segmentos de olericultura, fruticultura, café e pecuária de leite das regiões de Araçatuba, Araraquara, Barretos, Bauru, Botucatu, Campinas, Franca, Itapeva, Marília, Piracicaba, São Carlos, São João da Boa Vista, São José do Rio Preto, Sorocaba, Vale do Ribeira e Votuporanga.

Programação
No estande serão apresentadas as ações de gestão, tecnologia e acesso a mercado do Sebrae, como o Programa de Agronegócio voltado aos produtores de olericultura, fruticultura, café e bovinocultura de leite. A programação ainda inclui ações integradas entre o Sebrae e entidades presentes na feira, como Faesp/Senar, Sicoob Credicitrus e Sescoop.

Exposição de startups na Agrishow

29 de abril
Immersus: serviço para monitoramento automático e otimização do consumo de ração para pisciculturas.
PrevSafra: estimativa de safra e extração de conhecimento agronômico para cana-de-açúcar.
HeliDrop: drone para pulverização agrícola automatizada.

30 de abril
Forlidar: solução para monitoramento da produção utilizando a tecnologia. LiDAR. mapeamento da variabilidade espacial do dossel de plantas com alta resolução e repetibilidade pode fornecer mapas precisos de produtividade que darão subsídio ao manejo e agricultura de precisão.
Brazil Beef Quality: classificação e certificação de carcaças bovinas/feedback para o pecuarista das características de carcaça de seus animais.
Cole Agro: desenvolvimento de um aplicativo para o monitoramento remoto da broca da cana utilizando armadilhas adesivas com atrativos.

1º de maio
Radaz / T-JUMP: sistema de imagens por radar embarcado em drone.
Hawkit: sistemas para pulverização seletiva de herbicidas. Através de câmeras e softwares analisamos a plantação em tempo real e aspergimos apenas sobre as plantas daninhas.
DKRO: sistema para gerenciamento de equipes de campo.
Upberry: otimiza a irrigação e ao racionalizar o uso de água, de energia e de nutrientes, racionaliza também o tempo utilizado no processo de irrigar.

2 de maio
Tau Flow: solução de gestão e monitoramento do comportamento de ar e gases em ambientes de criação de animais.
Geplant: gestão da produtividade.
YoungTech: solução para monitorar e controlar o ambiente de uma estufa agrícola com um sistema com inteligência artificial e com armazenamento de todos os dados em nuvem.

3 de maio
Agrimart: conecta de forma simples, rápida e barata o agricultor familiar e o pequeno agricultor a pequenos negócios, melhorando reduzindo os atravessadores da cadeia de comercialização de FLVs.
YouAgro: rede social do agronegócio. A comunidade para melhorar a vida do produtor rural

Tags: Agronegócios, agrishow