Startup japonesa constrói casa em menos de dois dias usando impressão em 3D; veja fotos

Imóvel, com pouco mais de 49 metros quadrados, foi projetado para acomodar duas pessoas e custou cerca de R$ 183 mil.

A startup japonesa Serendix levou 44 horas — menos de dois dias — para construir a casa Serendix 50, apelidada de “Fujitsubo”, usando a tecnologia de impressão em 3D. O imóvel de pouco mais de 49 metros quadrados custa US$ 37,3 mil (cerca de R$ 183 mil). Localizado em Komaki, cidade a cerca de quatro horas de Tóquio, o protótipo não tem moradores.

Segundo o CTO da empresa, Kaito Ogata, a Serendix é a primeira fabricante de casas de impressão 3D do Japão. Em março do ano passado, a startup fez um teste da tecnologia, quando lançou seu primeiro imóvel globular, uma esfera de 9 metros quadrados construída em menos de 24 horas (veja foto abaixo).

Esfera de 9 metros quadrados construída pela Serendix em março de 2022 — Foto: serendix/Divulgação

Agora, pouco mais de um ano depois, a empresa revelou seu novo produto. O Fujitsubo foi projetado para acomodar um casal. No interior, a casa térrea tem um quarto, banheiro e sala de estar com cozinha.

Como a casa foi construída

As paredes foram impressas em 3D, e a cobertura de madeira foi construída com uma fresa CNC (controle numérico computadorizado). Como quase todos os componentes principais da casa foram construídos com tecnologia automatizada, a startup conseguiu economizar tempo e dinheiro.

Paredes foram impressas em 3D — Foto: serendix

Para reduzir ainda mais os custos de construção, a empresa japonesa imprimiu a casa utilizando uma mistura de cimento com um aditivo para ajudar a endurecer o material rapidamente. A maioria das casas impressas em 3D está sendo construída atualmente usando alguma forma de mistura de concreto, lembra o Business Insider.

Paredes foram impressas em 3D — Foto: serendix/Divulgação

Os componentes impressos foram concluídos dentro de uma fábrica próxima ao canteiro de obras. Eles foram então movidos e conectados às colunas de aço e à fundação da casa usando um caminhão e um guindaste, semelhante à conexão de peças de Lego. Porém, a empresa teve que reimprimir algumas paredes após serem quebradas neste processo de mudança.

Casa impressa em 3D — Foto: serendix/Divulgação

Tecnologia 3D pode baratear custos de imóveis

O valor mais baixo da casa em 3D pode ser uma saída para o aumento dos custos da habitação no Japão, que Ogata chama de um “problema sério”. “O povo japonês fica irritado com a indústria imobiliária”, disse o executivo ao Insider.

Construção da casa impressa em 3D — Foto: serendix/Divulgação

Os defensores da tecnologia dizem que quanto mais ela se tornar predominante, mais poderá ajudar a reduzir o tempo, os materiais, a mão de obra e os custos necessários para construir uma casa.

Segundo Ogata, a Serendix já tem pedidos para seis unidades de casas impressas em 3D, que começarão a ser construídas em outubro.

Construção da casa impressa em 3D — Foto: serendix/Divulgação

FONTE: https://epocanegocios.globo.com/tecnologia/noticia/2023/09/empresa-japonesa-imprime-casa-em-3d.ghtml


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0