out 29

Startup israelense cria wallet offline com conectividade online

A startup israelense GK8 apresentou uma cold wallet de criptomoedas com recursos de transferência online

A tecnologia da GK8 remove muitos dos perigos que as wallets acessíveis à Internet enfrentam – hacks, ataques, perdas inexplicáveis – enquanto preserva seus recursos mais convenientes, como o envio e o recebimento de ativos digitais.

Em uma entrevista, o co-fundador da GK8, Lior Lamesh, disse  que uma “conexão unidirecional” vincula sua wallet diretamente à blockchain, onde transfere ativos como as wallets convencionais. A sinalização unidirecional do GK8 não opera só na internet.

O GK8 diz que suas técnicas “ignoram as principais premissas relacionadas às transferências de criptomoedas e eliminam vetores de ataque a qualquer transferência de ativos”.

Vários especialistas em criptomoedas estão entre os membros do conselho do GK8, incluindo o professor Eran Tromer, um dos cientistas fundadores do Zcash, símbolo de segurança.

Em um vídeo, Tromer disse: “A solução de uma cold wallet do GK8 melhora o estado da arte ao ter uma comunicação essencialmente unidirecional da wallet para o exterior e nunca aceitar informações brutas de fora para dentro da wallet”.

“Isso minimiza a superfície e evita ataques”, disse ele.

A GK8 garantiu cinco patentes por suas inovações, de acordo com o anúncio. Um resumo da patente associado ao Lamesh descreveu a tecnologia da seguinte maneira:

“O dispositivo de wallet digital é desconectado eletronicamente de outros dispositivos digitais e compreende: um circuito integrado (IC) de criptomoeda isolado de qualquer interface de computador” … “e um hardware de comunicação unidirecional para enviar a referida transação para um dispositivo de comunicação para transmitir a referida transação via uma rede.”

Os fundadores são veteranos da cibersegurança israelenses, de acordo com Lamesh. Ambos atuaram como especialistas em segurança cibernética do primeiro-ministro antes de fundar o GK8 em 2018.

Lamesh disse que ele e o co-fundador Shahar Shamai começaram a trabalhar na cold wallet do GK8 depois de encontrar vulnerabilidades de segurança em wallets “de última geração”. Ambos estavam incomodados com os riscos de armazenar ativos online.

“Tentamos pensar: como podemos fazer uma cold wallet totalmente operacional sem conexão com a Internet? E acabamos fazendo exatamente isso”, disse Lamesh.

Ele disse que o GK8 procura se tornar a cold wallet de escolha para investidores institucionais.

O projeto da GK8 levantou US $ 4 milhões em financiamento inicial de uma série de empresas de investimento israelenses, incluindo a Autoridade de Inovação de Israel, administrada pelo governo.

FONTE: WEB