fev 14

Startup cria app que encontra cães perdidos por reconhecimento de focinho

A startup chinesa Megvii desenvolveu um aplicativo que pode ajudar a encontrar cães perdidos. A tecnologia funciona através do reconhecimento do focinho dos bichanos.

Pouca gente sabe, mas o focinho é como se fosse a digital de um cachorro. Isso significa que cada animal da espécie possui um padrão único e, dessa forma, podem ser facilmente identificados.

Com base nessa informação, a Megvii utilizou inteligência artificial para criar uma base de dados capaz de oferecer 95% de precisão na busca pelos mascotes. A startup reivindica que o método é mais econômico e menos invasivo do que a colocação de um microchip sob a pele do animal.

Telas do aplicativo

Após subir as imagens do cachorro, basta selecionar a área do focinho

Como funciona o aplicativo?

Para usufruir da tecnologia, os tutores de cachorros deverão tirar fotos ou gravar vídeos que mostrem o focinho do pet. O aplicativo é capaz de detectar os principais pontos do padrão encontrado na área e cria uma espécie de mapa de cada focinho. Após essa etapa, os dados são enviados a um arquivo online, onde cada cão recebe um número de identificação próprio.

No momento, a tecnologia é focada nos usuários finais: humanos que querem poder rastrear seus animais caso sejam perdidos. Entretanto, a startup garante que os benefícios podem ser ainda maiores caso seu uso seja adotado pelo poder público, que poderia usar a plataforma para identificar tutotes que descumprem com a legislação local, por exemplo.
FONTE: HYPENESS