out 16

Saibam quais produtos digitais vendem mais: aprenda com eles

No mundo cada vez mais digital, precisamos aprender com os produtos digitais que são sucesso de vendas.

Nós fomos educados a acreditar que a melhor forma de ganhar dinheiro é cursando uma faculdade, encontrando um emprego estável e trabalhando loucamente, sem tempo livre, por décadas, até o dia em que poderemos aposentar para só então aproveitar a vida. Mas hoje já sabemos que esse não é um caminho obrigatório: existem formas de sair desse padrão, e as oportunidades de trabalho no mercado digital são maneiras de conquistar mais tempo e mais liberdade.

Mas que tipos de produtos vendem mais no mercado digital? Existem algumas escolhas que podem ser feitas para facilitar o seu negócio. Meu objetivo não é mostrar exatamente qual negócio alguém deve escolher, mas como pensar melhor na escolha do produto a ser oferecido. Quando se trabalha na internet, as possibilidades são muitas: você pode vender produtos em uma plataforma já existente, criar seu próprio e-commerce, vender o conhecimento no qual você é especialista, e até mesmo se tornar um afiliado, ou seja, vender produtos de outras pessoas em troca de uma comissão. Além destas, existem muitas outras.

 Sabe quais os produtos que mais vendem na internet? Aqueles que satisfazem as necessidades do topo da Pirâmide de Maslow! Não entendeu nada? Sem problemas, vou explicar.

O psicólogo americano Abraham Maslow desenvolveu o conceito de que as necessidades do ser humano são divididas em uma hierarquia que pode ser disposta em formato de pirâmide. Na base da pirâmide estão as necessidades fisiológicas, como respirar, dormir, comer e beber. Em seguida, surge a necessidade de segurança: trabalho, moradia e até mesmo a segurança da integridade do corpo. Estas são as bases fundamentais.

Depois delas, surgem na seguinte ordem: realização social (família, amizades), realização relacionada à estima (autoestima, confiança, respeito ao próximo), e por fim a realização pessoal, que inclui moralidade, solução de problemas e crescimento pessoal.

Portanto, pense comigo: as pessoas que acessam a internet com o intuito e a disponibilidade de fazer uma compra são certamente aquelas que já têm suas necessidades mais básicas atendidas: elas realizam suas funções fisiológicas e possuem um lar razoavelmente seguro e confortável. É por isso que a probabilidade é de que comprem produtos que ajudem a gerar alguma das satisfações que ficam no “topo da pirâmide”.

Foto: Rawpixel / Unsplash.com

PROMOVEM O DESENVOLVIMENTO PESSOAL
O conceito de desenvolvimento pessoal é muito amplo. Cursos que buscam ensinar novas formas de estudar ou que estimulam práticas como a meditação se enquadram nessa categoria. Hoje em dia, existe uma procura muito grande das pessoas por mais crescimento pessoal.

AUXILIAM OS RELACIONAMENTOS
Os relacionamentos estão logo acima das bases da Pirâmide de Maslow. Quando falo isso, a maioria deve pensar em programas online e outras formas de aprender a melhorar o relacionamento com a esposa ou o marido, mas essa palavra também engloba a criação dos filhos e a manutenção da amizade, por exemplo.

PROMOVEM MAIS SAÚDE E BEM-ESTAR
Cuidar do corpo e se preocupar com a saúde é provavelmente o maior dos desejos de quem alcança o topo da pirâmide, ou seja, já se sente realizado nas outras áreas. Não é à toa que programas da área fitness e o comércio de produtos saudáveis cresce a cada dia.

ENSINAM CONHECIMENTOS TÉCNICOS PARA  MELHORIA PROFISSIONAL
Aprender inglês, melhorar habilidades na ferramenta de trabalho e conhecer mais de marketing digital são só três exemplos de infinitas opções de aprendizado para quem quer crescer profissionalmente. O conhecimento relacionado a trabalho não só engloba a autorrealização como fortalece a segurança, que faz parte da base da Pirâmide de Maslow.

AJUDAM A MELHORAR OS NEGÓCIOS
Assim como no item anterior, os treinamentos, cursos e conteúdos que ajudam as pessoas a melhorarem os negócios também estão na lista de produtos digitais que mais vendem.

Com essa lista, o meu objetivo é te ajudar a pensar no negócio digital em que poderá investir. Então, quando tiver que decidir no que apostar, reflita se o seu produto digital se encaixa em um desses tipos, ou se ajuda na realização de alguma das necessidades listadas na Pirâmide de Maslow.

FONTE:  TERRA