out 27

Ranking mapeia as 25 startups com maior potencial no Brasil

Levantamento da Fundação Dom Cabral (FDC) mostra quais são as empresas que combinam crescimento com replicabilidade.

O ranking evidencia que apenas 7 das startups listadas contêm um investimento acima da média (US$ 124.348.000), sendo que os setores com maior média de investimento acumulado são construtech & proptech

A Fundação Dom Cabral (FDC) mapeou quais são as 25 startups brasileiras com maior potencial de crescimento nos próximos anos. O levantamento levou em consideração informações como dados do setor, número de colaboradores, localização, ano de fundação, investimentos recebidos e modelo de vendas.

O relatório também mostra as principais startups de alto crescimento no país, com realidades de negócio distintas daquelas observadas em outros países do mundo. “A Fundação Dom Cabral espera que o mapeamento contribua para uma melhor compreensão do universo das startups do Brasil, avaliando a capacidade de expansão e de replicação desses negócios, além de auxiliar os empreendedores e interessados no tema, na mensuração desse crescimento e potencial para investimentos”, destaca Hugo Tadeu, professor e diretor do Núcleo de Inovação e Empreendedorismo da FDC.

A princípio, foram catalogadas 216 startups, todas com taxa de crescimento médio acima dos 20% e valor mínimo de investimento levantado de US$ 1 milhão a contar da data de fundação. Além disso, todas tiveram ao menos uma premiação de destaque, como o Top 100 Open Startups, ScaleUp Endeavor e InovAtiva Brasil. Com a finalidade de buscar startups recém fundadas, optou-se por considerar, no ranking, apenas as que foram fundadas a partir de 2017.

O ranking evidencia que apenas 7 das startups listadas contêm um investimento acima da média (US$ 124, 3 milhões), sendo que os setores com maior média de investimento acumulado são construtech & proptech com US$ 938,6 milhões, retailtech com US$ 501 milhões, ambas com uma representante entre as 25 do ranking, e fintech & Insurtech com US$ 114, 9 milhões e 8 representantes. Vale ressaltar que 50% das startups listadas no ranking levantaram investimento acima de US$ 26, 8 milhões.

Entre os setores de atuação das startups, as fintechs & insutech, relativas ao setor financeiro, se mantêm em evidência no cenário nacional. De acordo com o Fintech Report 2022, o número de empresas, no setor, quadruplicou em menos de dez anos. O volume de investimentos na área seguiu a tendência de alta e possibilitou a ascensão desse mercado. Entre as empresas listadas no ranking, 32% recebem essa classificação. O setor de logtech & autotech & mobility está na segunda colocação (16%) seguido de  Agritech (12%).

Confira a lista:

1
Frete.com
Logtech & Autotech & Mobility

2
Open Co
Fintech & Insurtech

3
Daki
Logtech & Autotech & Mobility

4
Galena
Edtech

5
Mobees
Adtech & Marketing

6
Já vendeu
Foodtech

7
Fazenda Futuro
Foodtech

8
SuperSim
Fintech & Insurtech

9
Trybe
Edtech

10
Flash Benefícios
HRtech

11
Facily
Retailtech

12
Comunica.ln
HRtech

13
Loft
Construtech & Proptech

14
Conta Simples
Fintech & Insurtech

15
Dock
Fintech

16
Origems Motos
Logtech & Autotech & Mobility

17
Pink Farms
Agritech

18
Volanty
Logtech & Autotech & Mobility

19
a55
Fintech & Insurtech

20
Ecotrace
Agritech

21
C6 Bank São Paulo
Fintech & Insurtech

22
TerraMagna
Agritech

23
Hash
Fintech & Insurtech

24
Provi São Paulo
Fintech & Insurtech

25
Insider Store
Entertainment & Event & Travel

FONTE: https://forbes.com.br/forbes-tech/2022/10/ranking-mapeia-as-25-startups-com-maior-potencial-no-brasil/