dez 20

Qual é a criptomoeda que se valorizou 800% em um mês – e não é o bitcoin

A criptomoeda IOTA, relacionada à internet das coisas, também vive uma alta expressiva Foto: Getty Images / BBCBrasil.com

IOTA teve crescimento enorme nos últimos dias; ela utiliza tecnologia diferente e está ligada à chamada internet das coisas, que faz a comunicação via rede entre objetos e equipamentos.

O chamativo crescimento do bitcoin nas últimas semanas não bastou para acabar com as dúvidas geradas por um mercado que oferece gigantescos retornos, mas que não está submetido a controles regulatórios.

Mas apesar de todas essas questões, uma criptomoeda muito menos conhecida tem apresentado uma valorização bastante expressiva.

Estamos falando do IOTA, um produto de investimento que se autodeclara a “coluna vertebral” da economia da internet das coisas (IoT, da sigla em inglês para internet of things), termo usado para definir a comunicação via web entre objetos e equipamentos.

O valor do IOTA aumentou 774% desde o início de novembro até agora. Isso fez com que sua capitalização de mercado chegasse aos US$ 12 bilhões, permitindo que ingressasse na lista das cinco maiores divisas virtuais do mundo ( que são bitcoin e bitcoin cash, ehtereum, IOTA e ripple) de acordo com o site MarketWatch.

Isso aconteceu após a publicação de relatos de que várias empresas tecnológicas de grande perfil, incluindo a Microsoft, estavam coordenando esforços com a ONG alemã que monitora o IOTA para criar um mercado seguro de dados, para que estes não sejam desperdiçados.

Conhecido como o 'ouro digital', o bitcoin cresceu mais de 1.200% no último ano

Conhecido como o ‘ouro digital’, o bitcoin cresceu mais de 1.200% no último ano

Foto: Getty Images / BBCBrasil.com

FONTE: TERRA