Por que os produtos falham? 3 motivos que impactam as startups

Produtos implementados de forma eficaz proporcionam economia de dinheiro e transformação tecnológica mais rápida.

Com o passar dos anos e avanço da inovação e tecnologia, criar produtos bem estruturados faz toda a diferença para o crescimento dos negócios. Porém, de acordo com uma pesquisa da Salesforce, 30% a 80% dos lançamentos de novos produtos podem falhar em seu lançamento, com alguns setores com uma maior taxa de insucesso.

Com toda a dificuldade da área, a BossaBox, startup que aloca e gerencia squads sob demanda, ajuda empresas e startups a economizarem dinheiro e tempo com desenvolvimento de produtos do jeito certo.

Baseado em dados do mercado, e com a expertise do cofundador e CEO da BossaBox, André Abreu, acompanhe abaixo três principais fatores que levam os produtos a não desempenharem seus devidos papéis em startups e empresas.

1. Longo tempo de recrutamento de profissionais

De acordo com a pesquisa realizada pela GeekHunter 46,8% das empresas levam entre 31 e 60 dias para contratar um profissional de TI. Além disso, segundo o Analytics 365, o tempo médio de onboarding é de 60 dias, fazendo com que os produtos fiquem estagnados, gerando inúmeros prejuízos.

Segundo André Abreu, esse é o primeiro fator que pode atrapalhar drasticamente os negócios.

“Pessoas de tecnologia são muito requisitados pelo mercado, já que as instituições estão carentes de talentos realmente qualificados para a área, por isso, na BossaBox, recrutamos pessoas 3x mais rápido que o mercado”, diz.

2. Falta de senioridade dos profissionais envolvidos

Se a contratação de profissionais da área de tecnologia já é mais demorada que as demais, recrutar colaboradores de nível sênior é ainda mais complicado.

“No geral, temos visto que a gestão assertiva dessas pessoas faz toda a diferença para atrair profissionais cada vez mais qualificados, já que eles querem mais do que ótimos salários, mas buscam também por um ambiente de crescimento, que possibilita networking, facilidade de entendimento dos processos e até mesmo diminuição das burocracias. De uma forma geral, é isso que fazemos aqui e isso implica no melhor desenvolvimento dos projetos e no impacto em seus resultados”,  afirma o CEO da BossaBox.

3. Demora na entrega dos produtos

Com toda a dificuldade de encontrar profissionais qualificados, o turnover no setor também é alto. Análises feitas por especialistas ouvidos pelo Linkedin, em abril de 2022, dizem que a rotatividade de um negócio fica em 5%, mas na área de tecnologia, aumenta para 15%. Todas essas dificuldades culminam na possível retardação da entrega final de um determinado projeto.

“Ter uma equipe pronta é o primeiro passo para não atrasar a entrega do projeto. Essa equipe vai ser responsável por verificar a qualidade do produto, o timing do negócio e do mercado também, que são pontos importantes para ter sucesso em produtos”, finaliza André Abreu.

FONTE: https://www.terra.com.br/economia/por-que-os-produtos-falham-3-motivos-que-impactam-as-startups,b7956f1cbeacc5a854b11ae30ea69d76r5fmlnqt.html