nov 12

Ponte de concreto criada com uma impressora 3D leva a indústria da construção civil a um novo patamar

A Vertico, empresa de impressão 3D em conjunto com a Universidade de Ghent, fez uma ponte de concreto com uma impressora 3D

A impressão 3D mudará a maneira como faremos tudo no futuro, desde estações espaciais até o desenvolvimento de órgãos humanos. Agora, podemos adicionar edifícios à lista graças à Vertico, empresa de impressão 3D com sede na Holanda, em conjunto com a Universidade de Ghent.

As duas se uniram para imprimir uma ponte de concreto a partir de uma impressora 3D. A nova técnica constrói estruturas de concreto depositando uma mistura de concreto especialmente projetada camada por camada. De acordo com a Vertico, esse processo elimina a necessidade de moldes caros e, mais importante, oferece mais liberdade de forma às estruturas.

“Esta ponte mostra o leque de possibilidades que a impressão 3D em concreto oferece. Na Vertico, acreditamos que essa tecnologia é a chave para desbloquear a otimização do material nas estruturas, reduzindo as emissões de CO2 e simultaneamente aumentando a produtividade na indústria da construção”, disse Volker Ruitinga, fundador da Vertico em um comunicado à imprensa.

A indústria da construção precisa dessa inovação

A construção de estruturas de concreto a partir de uma impressora 3D é revolucionária para um setor que há muito tempo fica atrás de outros em termos de automação e produção. De acordo com a Vertico, é necessário inovar o setor, que, segundo a empresa, produz 23% das emissões globais de CO2. Isso não quer dizer que eles não querem inovação, é muito caro criar formas únicas e orgânicas com técnicas tradicionais.

“Este projeto demonstra as possibilidades da técnica em uma escala relevante e significativa. As vantagens da impressão 3D (concreto) estão sendo cada vez mais reconhecidas e, com essa aceitação, veremos cada vez mais projetos de construção e infraestrutura como esta ponte otimizada”, Vertico disse no comunicado de imprensa. “O desejo de redução de material e CO2, tendências de automação e produtividade e requisitos de produção econômicos tornam a impressão 3D em concreto uma inovação com muito potencial “.

A empresa está atualmente trabalhando em uma impressão 3D em uma cúpula de concreto. A produção começará em fevereiro de 2020. Já concluiu esculturas comissionadas, uma fachada arquitectural e duas canoas de concreto.

Estrutura de concreto comissionada da Vertico

Fachada de concreto feita com uma impressora 3D

FONTE: WEB