jun 05

PL Do Veneno: Como Profissionais do Agronegócio Estão Fazendo Fortunas Sem Apelar Pra Isso

Caro profissional do agronegócio,  

Seja você um produtor, avicultor, pecuarista ou apenas um investidor deste mercado…

As chances de que você apoia o uso de agrotóxicos (ou defensivos fitossanitários) são de 90%.

Por razões óbvias, claro…

Afinal, o uso desses produtos aumenta a produtividade do negócio e reduz os desperdícios.

Que produtor em sã consciência seria contra algo que bota ainda mais dinheiro no seu bolso, não é mesmo?

Bom… isto é o que 90% dos produtores pensam.

E é exatamente aí que entra uma oportunidade oculta  

Esta “pequena brecha” do mercado (da qual vou te explicar melhor até o final deste texto) é a responsável por estar enriquecendo os outros 10%. 

Qual é a vantagem que estes 10% estão tendo sobre os outros 90%?Como podem não se importar com a pauta da liberação dos agrotóxicos… e ainda conseguir lucrar?

É mais simples do que você pensa. Dê uma olhada nos prints das manchetes a seguir:

Conseguiu entender a “brecha” que estes outros 10% está utilizando para enriquecer?

Enquanto a maioria dos profissionais do agronegócio continua desperdiçando sua energia no sonho de conseguir mais e mais aval para usar agrotóxicos…

Estes outros produtores fizeram diferente: Encontraram uma nova e crescente necessidade no mercado… e… investiram nisso.

Agora, se esta é uma oportunidade tão lucrativa quanto estou afirmando… por que não é qualquer um que sabe disso?

Ou porque tem gente que sabe disso e mesmo assim decidiu não investir neste setor?

A resposta é simples:

Efeito manada.

Isto é…

“Quando um grupo de indivíduos reage de maneira semelhante – mesmo que de forma irracional – apenas por causa da pressão exercida pelo grupo.”

É exatamente por isso que a maioria dos profissionais deste setor só conseguem pensar nisso…

Enquanto existe uma minoria que está rindo e lucrando ainda mais.

Talvez você esteja pensando que o segmento de orgânicos ainda parece um nicho se compararmos aos números do agronegócio… mas é aí que está:

É exatamente isso que faz com que esta seja a oportunidade mais quente do mercado neste momento.

Afinal…

É mais fácil lucrar num setor saturado, cheio de diversos players gigantescos…

Ou…

Num mercado novo, quase inexplorado e que aponta índices de crescimento constantes?

Não é preciso um MBA em negócios para saber qual é a resposta certa.

E enquanto muita gente ainda não percebeu isso por aqui… no exterior, a situação é totalmente diferente.

Nos Estados Unidos, uma pesquisa feita pela Organic Trade Association detectou que o comércio de produtos orgânicos é maior entre a geração Milênio (18-35 anos).

A pesquisa também mostrou que 25% dos que consomem orgânicos são novos pais.

Daqui a 10 anos, 80% desses jovens já serão pais e impulsionarão ainda mais este mercado.

Os dados estão aí, disponíveis para qualquer um.

A diferença é que poucos conseguem sair do efeito manada.

Mas se você leu até aqui… é evidente que você já não faz mais parte disso.

Mesmo que você ainda não esteja entre os 10% que estão por dentro de todas as últimas estratégias, tendências e tecnologias do agronegócio…

Você já está entre os que questionam o que fazer para ganhar ainda mais – e isso faz toda a diferença.

Mas é claro: isso não é o suficiente.

Quais São Os Próximos Passos?

Agora, se você quer fazer parte desses 10% – a elite do agronegócio brasileiro – e descobrir o que eles estão fazendo para receber informações privilegiadas que os deixam sempre 2 passos à frente da concorrência, basta clicar neste link.

Ao clicar, você será encaminhado para a página do AgroTech Conference 2019, o único evento do Brasil que traz as últimas tendências e inovações tecnológicas que estão acontecendo no mundo agro com o intuito de trazer insights valiosos para produtores brasileiros.

Clique aqui enquanto ainda é possível garantir um super desconto de pré-venda! São os últimos ingressos nessa condição.

 FONTE: STARTSE