set 06

No futuro, os robôs vão trabalhar em equipe e aprender uns com os outros

Pesquisador do MIT afirma que cálculos e códigos abertos serão capazes de criar conexões entre inteligências artificiais

A TÉCNICA UTILIZADA PARA OS ROBÔS APRENDEREM A TRABALHAR EM EQUIPE É POR MEIO DE TENTATIVA E ERRO (FOTO: MARCUS STEINMEYER)

Trabalho em equipe no mundo robótico? Vai ser comum no futuro. Segundo o professor de aeronáutica e astronáutica no MIT, Jonathan How, sistemas de inteligência artificial podem trabalhar em grupo — e até aprender uns com os outros.

Para How, a nova revolução da indústria está no trabalho em equipe dos robôs. No setor de logística, a conexão entre eles vai ser determinante: enquanto um anota o pedido, o outro entrega e um terceiro fica responsável em descobrir trajetos mais rápidos.

Segundo a revista Wired, o estudo do professor foi financiado em conjunto pela AWSBoeing e IBM e traz algoritmos que transformam a capacidade de entendimento dos robôs. A técnica utilizada é por meio de tentativa e erro. O principal desafio é construir o consenso entre eles sem sobrecarregá-los e garantir que a conversa seja coerente.

Embora pareça uma tarefa difícil, o novo sistema de aprendizado por reforço, chamado Hierarchical Multi O Ensino de Agente (HMAT) está mostrando um bom trabalho — e como envolve cálculos complexos, o estudo traz simulações criadas em máquinas de código aberto baseadas em processamento de linguagem natural. Para How, essa vai ser uma realidade entre os próximos cinco e dez anos.

FONTE: ÉPOCA