maio 05

Meta quer apostar em grande na realidade virtual e pode lançar quatro headsets até 2024

A Meta tem planos para lançar o Project Cambria em setembro deste ano, com uma versão atualizada, com o nome de código “Funston” a ser lançada em 2024. Na “calha” estão mais dois headsets de VR que poderão ser lançados em 2023 e 2024.

Desde que fez o seu rebranding, em outubro do ano passado, o metaverso passou a ser um dos grandes focos da Meta, casa-mãe do Facebook. A empresa de Mark Zuckerberg quer apostar em grande na tecnologia de realidade virtual e poderá lançar quatro novos headsets até 2024.

De acordo com um roadmap interno a que o website The Information teve acesso, a Meta tem planos para lançar o Project Cambria em setembro deste ano, com uma versão atualizada, com o nome de código “Funston” a ser lançada em 2024. Na “calha” estão mais dois headsets de VR, que se acredita serem as próximas versões dos Quest, sob os nomes de código “Stinson” e “Cardiff”, e que poderão ser lançados em 2023 e 2024.

Ao contrário dos headsets Quest, o Project Cambria será posicionado para um segmento mais alto e espera-se que o seu preço ronde os 799 dólares. De acordo com fontes com conhecimento na matéria, o headset contará com um display de alta-resolução, utilizando o Android como sistema operativo e tendo suporte a aplicações.

Recorde-se que, em outubro do ano passado, a já tinha explica do que se tratava de um periférico que permitirá captar todos detalhes faciais das pessoas, traduzindo-os nos respetivos avatares digitais no metaverso. O headset permitirá também escrever ou tomar notas em realidade virtual, sem a necessidade de o utilizador o retirar, fazendo uma ponte entre elementos reais e virtuais.

Rumores avançados anteriormente apontam para a possibilidade de o headset contar com contar com ecrãs Mini-LED. Em linha com a mudança de nome do grupo e o novo posicionamento, o dispositivo poderá chegar ao mercado com o nome Meta Cambria e a empresa de Mark Zuckerberg tem a intenção de vender três milhões de unidades no primeiro ano.

Além de headsets de realidade virtual, a Meta poderá lançar os óculos de realidade aumentada Nazare em 2024, assim como os óculos inteligentes Hypernova e pulseiras que darão aos utilizadores a possibilidade de controlar estes equipamentos com as suas mentes.

FONTE: https://sapobrasil.com.br/tecnologia/artigos/meta-quer-apostar-em-grande-na-realidade-virtual-e-pode-lancar-quatro-headsets-ate-2024