fev 05

Maior rede de coworking do mundo aposta em conexões para fomentar economia em São José

Primeira WeWork da RMVale conta com mais de mil posições de trabalho

A WeWork, maior rede de coworking e plataforma de espaços de trabalho do mundo, está com seu primeiro prédio na RMVale, em São José dos Campos.

A unidade, localizada no Jardim das Colinas, região oeste da cidade, tem 14 andares, com capacidade para mais de 1.000 posições de trabalho.

Os ambientes contam com bicicletário, pet-friendly para animais de pequeno porte, internet de alta velocidade, café e chope à vontade, limpeza, recepção e segurança 24h.

Mas o grande diferencial dessa rede de escritórios compartilhados são as conexões oferecidas através das ações que possibilitam engajamento e interação entre membros de empresas diferentes.

mariana_8

Mariana Marçon

Foto: Camila Majes

Para Mariana Marçon, de 34 anos, gerente da unidade de São José, a WeWork não é apenas um espaço de coworking, mas uma grande comunidade.

“Aqui nossos clientes são membros que recebem nossos serviços. As empresas podem se conectar naturalmente, pois nosso espaço é todo pensado para que haja interação entre as pessoas, diferente de quando uma empresa fica isolada na sala dela. Além da interação espontânea no ambiente, promovemos ações para que as empresas possam se conhecer. Numa das ações de maior sucesso as empresas se cadastram e cada uma tem dois minutos para falar do seu negócio aos demais em um encontro rápido no final do dia.  Temos recebido diversos retornos positivos de empresas que fizeram negócios aqui dentro mesmo”, contou.

As conexões vão além da unidade onde a empresa estiver locada. Os membros podem se conectar com empresas em todo o mundo e ter acesso a todas as unidades, expandindo ainda mais suas redes de relacionamento.

cassio_rosas_wework02_1

Cassio Rosas

Foto: Camila Majes

Cassio Rosas, de 42 anos, head marketing da empresa WiBX, conta que se identificou com a rede principalmente pela flexibilidade de ter prédios em outras cidades.

“Temos muitos clientes fora de São José. Com isso, a proposta da We Work veio de encontro com o nosso modelo de negócios. Já estivemos em unidades de São Paulo e Rio de Janeiro e tivemos muita facilidade em utilizar o espaço. O quesito comunidade faz toda a diferença, pois promove um ‘networking’ de forma rápida, prática e transparente, tanto nas ações realizadas aqui na unidade, quanto através do aplicativo que nos permite entrar em contato com todas as empresas cadastradas no mundo todo. Já tivemos muitos contatos interessantes com empresas que estão aqui no prédio e, inclusive, algumas já viraram nossos clientes.

Para Cássio o compartilhamento é uma tendência do mercado.

“Assim como casas de temporada compartilhadas e carros compartilhados, estamos falando de uma economia que tem o conceito de dividir para que todos tenham mais acessos e mais recursos. A economia colaborativa é o futuro”, concluiu.

FONTE: MEON