mar 15

Lyft e Uber anunciam sobretaxas para aliviar impactos do aumento dos combustíveis no bolso dos motoristas

Diante do novo reajuste no preço dos combustíveis, a Lyft seguiu os mesmos passos do Uber e anunciou, nesta segunda-feira (14), a cobrança de uma sobretaxa nas corridas, com o objetivo de diminuir os impactos no bolso dos motoristas. A taxa é temporária e está sendo implantada mundialmente, tendo em vista que o aumento nas bombas tem ocorrido em todos os países em razão da guerra entre Rússia e Ucrânia. 

Desde as primeiras altas no valor dos combustíveis, houve uma avalanche de críticas dos motoristas dos aplicativos nas redes sociais, mobilização que acabou surtindo efeito.

Uber aumenta corridas em 6,5% no Brasil

Nesta segunda-feira (14), o preço das corridas do Uber no Brasil também teve um reajuste de 6,5% por conta das elevações no preço dos combustíveis. Em nota, a empresa informou que a decisão ocorre justamente para ajudar nos rendimentos dos parceiros em todas as cidades e em todos os tipos de viagens.

Motorista levando uma passageira. Conceito de aplicativo de transporte de mobilidade urbana
Para suportar os constantes reajustes nos combustíveis, aplicativos criaram uma sobretaxa para ser revertida aos motoristas. Imagem: Snapic_PhotoProduction/Shutterstock

A partir de quarta-feira (16), a sobretaxa também será cobrada nos Estados Unidos, com exceção de Nova York. Tanto a Lyft quanto a Uber garantiram que o valor da sobretaxa irá na totalidade para os motoristas, variando de US$ 0,45 a US$ 0,55 por viagem, mesmo que o carro seja elétrico.

Com a alta no valor do barril de petróleo por conta do conflito na Ucrânia, há estimativas de novos reajustes nos próximos dias e já há postos que estão cobrando quase R$ 10 no litro da gasolina, deixando os motoristas de cabelo em pé.

FONTE: https://olhardigital.com.br/2022/03/14/pro/lyft-e-uber-anunciam-sobretaxas-para-aliviar-aumento-nos-combustiveis/