out 23

Internet das coisas exigirá plataformas para criação de aplicativos para usuários

Os ecossistemas para a IoT (Internet of Things, ou Internet das Coisas) estão prontos, mas ainda falta um ponto: plataformas para criação de aplicativos para os usuários. Esse foi o tema da palestra “O que não te contaram sobre aplicação para Internet das Coisas”, ministrada nesta quinta-feira (18/10) por Rinaldo Câmara Gonçalves, analista de sistemas embarcados da Kron Medidores, durante o IT Forum Expo.

Em uma palestra técnica e detalhada, Gonçalves contou o case da Kron Medidores na imersão desse serviço. O especialista mostrou que a engenharia eletrônica já resolveu a conexão das coisas com Cloud ou Broker. Que as conexões existem, sejam elas ethernet, wi-fi, Sigfox, Lora ou 2G e seguintes. Que já temos analytics, Big Data, inteligência artificial e computação cognitiva. Que toda essa informação está armazenada em bancos de dados, protegidos e com backups.

“IoT é plataforma, não é só o device. Eu preciso ter alguma plataforma para conectar dispositivos e gerenciar conexões. Essa plataforma de IoT tem que me permitir conectar com outras plataformas, como Google, IBM, Mycrosoft, por exemplo”, afirmou o especialista.

Problemas e soluções

Gonçalves forneceu exemplos práticos para o público, incluindo problemas enfrentados durante a implementação de sistemas e soluções para eles. “Um dos pontos pelos quais a IoT ainda não explodiu no Brasil é a conexão com a internet, o fato de clientes não disponibilizarem essa conexão com a internet. Acreditamos que sistemas de rádio para comunicação a longa distância devem resolver isso.”

MBA em gestão e qualidade de software, Gonçalves é bacharel em Ciência da Computação e técnico em eletrônica. Trabalha com diversas tecnologias de microcontroladores e microprocessadores, linguagens de programação e metodologias ágeis.

FONTE: IT FORUM 360