A inteligência artificial pode te ajudar na paquera? Startups de chatbots acreditam que sim

Na hora do flerte, cantadas criativas e frases para quebrar o gelo já pode ser tarefas delegadas a IAs como o ChatGPT.

Amor virtual: o flerte em apps de namoro ganha uma ajudinha da IA (Malte Mueller/Getty Images)

Se aplicativos de namoro como Tinder, happn Grindr tentaram facilitar o amor na era digital, muitos usuários ainda acham extenuante a missão de quebrar o gelo e iniciar uma conversa que vá além do ‘’oi, tudo bom?’’.

Para ajudar a contornar esse problema, a inteligência artificial (IA) incrementada em chatbots agora tentam dar aquele empurrão que faltava para rolar entrosamento do possível casal.

Em uma dessas propostas, a da experimental Your Move, a AI fornece cantadas e respostas engraçadas com base em informações antecipadas ou via capturas de tela fornecidas pelo trovador.

Segundo descrevem os criadores do chatbot Dmitri Mirakyan e Jeffrey Li, em entrevista ao Wall Street Journal, a ferramenta tenta criar frases que estimulem perguntas e respostas sobre a personalidade do pretendente.

Por exemplo, ao sugerir uma abordagem mais sedutora, porém engraçada, por assim dizer, o Your Move sugere como abertura: “Olá! Não pude deixar de notar você do outro lado da sala e queria vir dizer oi. Posso te pagar uma bebida?”

No geral, são frases que servem de ponto de partida e que recomendam ao usuário incluir ajustes antes de enviar.

Já no app da startup chamada Keys AI, que levantou US$ 3 milhões em investimentos, um teclado virtual, que pode ser usado da mesma forma que o teclado de emojis, são geradas mensagens de introdução, textos que dão abertura para marca um encontro, ou até mesmo terminar com alguém.

Por hora, o aplicativo só está disponível para iOS e pode ser baixado no link.

Todas as ferramentas contam com o modelo de inteligência artificial da Open AI, o laboratório de pesquisa por trás do popular chatbot ChatGPT .

FONTE: https://exame.com/tecnologia/a-inteligencia-artificial-em-apps-de-namoro/


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0