Gov.Br coloca o Brasil no alto do ranking do Bird de governo digital

Portal tem 150 milhões de contas e é acessado por 50 milhões de cidadãos em busca de mais de 4,7 mil serviços digitalizados.

O acesso aos serviços públicos e a comunicação com os órgãos do governo sempre foram pontos negativos na opinião cidadão. Essa realidade vem mudando graças à tecnologia de ponta adotada no Gov.Br, o maior portal de governo eletrônico do mundo, que acelerou o passo durante a pandemia. Os números do Gov.Br, que utiliza tecnologias desenvolvidas pelo Serpro, são superlativos e explicam a posição alcançada pelo Brasil em 2022 em ranking do Banco Mundial (Bird) como segundo país do mundo com a mais alta maturidade em governo digital.

Hoje, o Gov.Br conta com número total de contas próximo a 150 milhões. Por mês, é acessado por 50 milhões de cidadãos em busca de mais de 4,7 mil serviços digitalizados. A plataforma conta com 460 órgãos públicos integrados e uma disponibilidade com segurança de 99,9%.

“O Serpro construiu com tecnologia robusta um ecossistema que viabilizou um volume grande de aplicações, com impacto na democratização dos serviços do governo”, diz Giordanni Paiva, superintendente de soluções analíticas e inteligência artificial do Serpro. Para dar suporte aos serviços ofertados pelo Gov.br e às aplicações baseadas em suas APIs, o Serpro opera o Aibio, ecossistema biométrico composto por múltiplas bases de dados – incluindo os modais de face e digitais. O Aibio é composto por mais de 230 milhões de faces cadastradas e 2 bilhões de digitais e já é empregado por mais de 660 clientes em aplicações de negócio, incluindo instituições financeiras.

Para sustentar o Aibio, diz o superintendente de digitalização de governo, Rafael Almeida Fernandez Soto, o Serpro emprega dois motores biométricos, incluindo sistemas de IA que são capazes de detectar a prova de vida – liveness – dos modais utilizados para autenticação. “No caso de autenticações faciais, por exemplo, o sistema é capaz de identificar se a imagem se trata de uma pessoa real ou se representa algum tipo de fraude, como uma foto ou vídeo.”

A tecnologia é utilizada em diversos outros espaços de acesso do cidadão, como o “embarque seguro”, que permite ao passageiro realizar uma viagem aérea apenas com uso de biometria e já está operacional nos voos da ponte aérea Rio-São Paulo. A mesma tecnologia embarcada no Gov.Br é usada pelo cidadão em situações como abrir contas eletrônicas, sem ir a uma agência, validar documentos como as versões eletrônicas da CNH e pagar o Imposto de Renda pelo celular.

O Serpro levou a experiência de credenciamento rápido por meio do check-in com reconhecimento facial no evento Febraban Tech via parceria com a Intelbras, que desenvolveu o hardware. Outra novidade, o Notifica_BR, plataforma para melhorar comunicação com o cidadão, será lançada em breve.

FONTE:

https://valor.globo.com/publicacoes/especiais/tecnologia-bancaria/noticia/2023/07/05/gov-br-coloca-o-brasil-no-alto-do-ranking-do-bird-de-governo-digital.ghtml