jan 31

EUA liberam instalação de antenas 5G próximas de aeroportos

Depois de muitos embates, finalmente a Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos (FAA) autorizou a Verizon Communications (VZ.N) e a AT&T (T.N) a instalarem as antenas 5G próximas dos aeroportos. Segundo comunicado, as operadoras sem fio concordaram com as medidas que permitirão que mais aeronaves utilizem com segurança os principais aeroportos do país, mesmo com a implantação das torres.

Segurança operacional

A FAA assegurou em seu relatório que dados mais precisos sobre a localização exata dos transmissores sem fio permitiram mapear com segurança o tamanho e a forma das áreas ao redor dos aeroportos onde os sinais 5G estão sendo instalados.

Dessa maneira, os locais que tiveram adiamentos nas instalações poderão iniciar os trabalhos. A previsão é que 510 torres sejam instaladas próximas dos aeroportos.

Representantes das empresas sem fio ficaram animados com a decisão e afirmaram que o 5G será um desenvolvimento positivo, com foco no progresso, com garantia de voos seguros.

Antena 5G
Autoridade máxima em aviação dos Estados Unidos aprova a instalação de antenas 5G próximas aos aeroportos e garante segurança de olho no aumento dos voos, mesmo em dias de chuva ou pouca visibilidade. Imagem: KPhrom – Shutterstock

Em seu parecer, a FAA também assegurou que os sinais 5G de algumas torres que estavam em antigas áreas protegidas não trazem riscos à segurança das aeronaves que voam com baixa visibilidade.

Riscos do 5G nos aeroportos

O principal motivo que fez várias companhias aéreas e reguladores de aviação dos Estados Unidos a criticar a  instalação de antenas 5G próximas dos aeroportos é que o equipamento pode distorcer as leituras dos altímetros de radar, fato que dificulta o piloto a saber a real distância da aeronave com o solo.

Além de liberar a instalação das antenas 5G, a FAA também aprovou que novas aeronaves possam pousar com baixa visibilidade em aeroportos que não destinavam essa permissão anteriormente.

Entram na lista o Airbus, Embraer 170 e 190. No documento, a FAA diz que mais operações serão realizadas com mau tempo, tendo novas pistas que antes não estavam autorizadas para pousos.

FONTE: https://olhardigital.com.br/2022/01/30/pro/instalacao-de-antenas-5g-proximas-de-aeroportos-e-liberada-nos-eua/