maio 20

ESTÚDIO DE DESIGN CRIA PATINETE ELÉTRICO COM INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

Produzido em parceria com uma empresa automotiva, o novo patinete é capaz de gravar as rotas favoritas do usuário, indicar o melhor caminho e até funcionar em piloto automático

O patinete de inteligência artificial pode levar ao trabalho, decorar rotas e transmitir outras informações relevantes. O estúdio de design responsável pela criação acredita que o veículo será difundido em um futuro próximo (Foto: Dezeen/ Reprodução)

Com os patinetes elétricos sendo cada vez mais utilizados como forma alternativa de transporte dentro de cidades, o estúdio de design Layer se juntou à companhia automotiva chinesa Nio para te dar mais um motivo para deixar o carro de lado.

Além de ser movido à energia elétrica, o novo patinete conta com inteligência artificial, o que significa que ele pode decorar suas rotas mais utilizadas e até funcionar em piloto automático. Chamado de Pal, o novo meio de transporte é conectado à uma plataforma para smartphones, utilizando o sistema de comando da Nio, a assistente tecnológica Nomi.

O patinete foi desenhado para caber dentro de um porta-malas de um carro pequeno (Foto: Dezeen/ Reprodução)

Alimentado por bateria elétrica, o patinete pode ser recarregado nos próprios automóveis da marca ou na casa do usuário. Caso a energia se esgote no meio do caminho, é possível trocar fornecedor de eletricidade, como se fosse uma pilha.

Os comandos são passados via Bluetooth, podendo ser comandado via celulares ou relógios. Dessa forma, a pessoa pode pedir ao patinete que a leve ao trabalho, que identifique a melhor rota e outras informações úteis.

Além disso, o indivíduo pode controlar a velocidade apenas inclinando o corpo, uma vez que o aparelho carrega um suspensão sensível à pressão. Para acelerar é só pender para frente, enquanto o inverso pede com que a pessoa jogue o corpo para trás. Também no controle de velocidade, cada roda possui um motor próprio, funcionando independentemente.

As superfíces de apoio para pés e mãos são feitas de fibra de carbono revestida com grafeno, o que permite com que o veículo economize bateria, seja leve, fácil de carregar e dobrável. Acessórios como cesta e suporte para bolsas também podem ser instalados no patinete e uma pequena tela no centro do guidão indica a velocidade em quilômetros por hora.

O estúdio Layer acredita que o novo meio de transporte será difundido em um futuro próximo, diminuindo o congestionamento das ruas e oferecendo opções sustentáveis  e eco-friendly de locomoção. O Pal foi apresentado na exibição Wallpaper* Handmade, na última Semana de Design de Milão, que aconteceu na primeira quinzena de abril.

Outros acessórios podem instalados no patinete, como suporte para bolsas e cesta (Foto: Dezeen/ Reprodução)
Uma pequena tela no centro do guidão indica a velocidade (Foto: Dezeen/ Reprodução)
FONTE: CASA E JARDIM