fev 09

Estudantes criam maçaneta que se limpa sozinha e mata germes e bactérias

Objeto que consiste em um tubo de vidro revestido com pó de dióxido de titânio foi desenvolvido por alunos da Universidade de Hong Kong

Em 2003, a epidemia de Sars (sigla em inglês para síndrome respiratória aguda grave) espalhou pânico. Concentrada na China e em Hong Kong, infectou mais de 8 mil pessoas e matou quase 800.

Simon Wong e Michael Li eram crianças e viram de perto o terror causado pelo vírus H1N1. Os dois, hoje alunos da Universidade de Hong Kong, criaram uma maçaneta autolimpante para banheiros públicos.

O puxador consiste em um tubo de vidro revestido com pó de dióxido de titânio. O abrir e fechar da porta ativa um gerador interno que acende uma luz ultravioleta. A reação química da incidência dos raios UV sobre o dióxido de titânio mata 99,8% dos germes.

Simon e Michael estavam entre os ganhadores do James Dyson Award 2019. O designer belga Frédéric Gooris, jurado do prêmio, lembrou que o conceito pode ser aplicado a outros objetos, como o corrimão de escadas rolantes e telas sensíveis ao toque.

FONTE:  ÉPOCA