dez 03

Essas são as maiores inovações tecnológicas de 2019 segundo a revista Time

A revista Time costuma selecionar anualmente as melhores inovações tecnológicas do ano. São listados 100 objetos que usam o que há de mais avançado no mercado para trazer mais saúde, entretenimento, comodidade, conforto, mobilidade, acessibilidade, entre outros tópicos — e a relação deste ano acabou de sair.

Aproveitamos, então, a lista de 2019 para escolher alguns dos objetos que podem se tornar cada vez mais utilizados pelo mundo todo nos próximos anos.

1. Óculos inteligentes — OrCam MyEye 2

(Imagem: Reprodução/Time)

Também chamado de “óculos falantes”, o dispositivo turbinado pela inteligência artificial (IA) pode ser acoplado em qualquer armação para ajudar no reconhecimento de rostos e moedas e na leitura de textos e códigos de barra — e também pode ser uma mão na roda para quem sofre de dislexia. O aparelho já está disponível em 48 países e promete uma versão mais poderosa para 2020.

2. Bengala smart — WeWALK

(Imagem: Reprodução/Time)

Pessoas com deficiências visuais que usam mapas de celulares e bengala ao mesmo tempo podem ser machucar por não ficar com uma das mãos livres. O WeWALK detecta objetos até a altura do peito e consegue parear com o Google Maps para notificar que há uma barreira.

3. Cirurgia virtual — Osso VR

(Imagem: Reprodução/Time)

A realidade virtual vem sendo bastante útil para treinamento em ambientes de risco ou extrema precisão, onde os erros devem ser mínimos. O software oferece uma experiência de uma sala de cirurgia, que, segundo os médicos, vem ajudando bastante os graduandos em medicina a saírem das salas de aulas melhor preparados para situações da vida real. A novidade vem sendo aplicada em vários hospitais nos Estados Unidos e é uma grande esperança para o desenvolvimento da profissão em países carentes, como Tanzânia, Cambódia e Etiópia.

4. Criação de vídeos profissionais mais fáceis — Remo Tech OBSBOT Tail

(Imagem: Reprodução/Time)

A câmera portátil e inteligente usa um app complementar para seguir as pessoas e objetos em destaque, com direito a panorâmicas, inclinação e zoom em resolução 4K. É possível usar comandos por gestos para personalizar estilos e preferências de fotografia.

5. Concreto ecológico — ECOncrete

Em vez de construir blocos de concreto, essa tecnologia usa uma técnica conhecida como biomimética, contando com as formas, texturas e tamanho dos sistemas naturais para ditar como a empresa constrói seus produtos. Assim, quem mora ao longo das costas, por exemplo, pode construir suas estruturas de forma menos invasiva à natureza.

6. TV ultrafina de 88 polegadas com 8K — LG Z9 OLED com IA ThinQ

(Imagem: Reprodução/Time)

A próxima geração de smart TVs a subsistuírem os modelos 4K, já bem mais populares que em outras temporadas, chegou e promete uma experiência ainda mais imersiva. O produto promete qualidade de imagem superior, com direito a upscale no conteúdo que ainda não veio preparado para 8K, em um painel extremamente fino.

7. Avanços na agricultura — AeroFarms

(Imagem: Reprodução/Time)

Os fundadores da AeroFarms dizem que sua tecnologia usa uma técnica para agricultura em interiores com 95% menos água do a tradicional. As culturas crescem em um pano reutilizável, feito de garrafas de água recicladas, e as lavouras, em vez de serem regadas com água, são hidratadas com uma névoa suave. O resultado já vem aparecendo por aí, com a produção de couve e rúcula em larga escala.

8. Médico digital em casa — TytoHome

(Imagem: Reprodução/Time)

Nem sempre temos tempo ou podemos ir para uma consulta quando estamos doentes. Especialmente mais útil para idosos, que muitas vezes sofrem dificuldade em se locomover, o dispositivo pode medir sinais vitais e examinar pulmões, ouvidos, pele e garganta, com ajuda de acessórios adaptados. Além disso, tem conexão direta com profissionais, que podem enviar diagnósticos e avaliar as métricas em tempo real, via videoconferência.

9. Energia e educação para o povo — YOLK Solar Cow

(Imagem: Reprodução/Time)

Posicionado perto de escolas em comunidades carentes, o sistema de carregamento solar se parece com uma vaca e vem com baterias sustentáveis portáteis — estudantes até mesmo podem levá-lo a casa para alimentar seus lares. Isso tem incentivado cerca de 500 crianças a frequentarem as aulas, além, claro, de fornecer luz para suas residências, nos programas-piloto em experiência no Quênia e na Tanzânia.

10. Prazer para que te quero — Osé

(Imagem: Reprodução/Time)

Muitas mulheres não têm orgasmo durante o sexo e grande parte sequer conhece melhor seu próprio corpo — e essa invenção seria uma boa forma de exercitar ambos os tópicos. O Osé, que inicialmente havia sido celebrado na Consumer Electronics Show (CES) deste ano, teve seu prêmio retirado — para depois, após ser acusada de sexista, a organização devolver a homenagem. É o primeiro vibrador a usar microrrobótica e biomimética.

E aí, o que acharam das inovações deste ano? A lista completa, com as 100 selecionadas pela Time, podem ser conferidas neste link.

Fonte: Canaltech