Equipe de Fuzileiros Navais dos EUA testa cães-robôs com rifle e comandados por IA

Os sistemas são baseados no robô Vision 60 (Q-UGV), desenvolvido pela empresa Ghost Robotics, com sede na Filadélfia.

O Comando de Operações Especiais das Forças Navais dos Estados Unidos (MARSOC) está testando cães-robôs equipados com rifles, de acordo com um relatório da The War Zone. Os sistemas são baseados no robô Vision 60 (veículo terrestre quadrúpede não tripulado, Q-UGV na sigla em inglês), desenvolvido pela empresa Ghost Robotics, com sede na Filadélfia.

Como destaca o Business Insider, o Departamento de Defesa dos EUA vem testando o Q-UGV há vários anos, usando suas capacidades de IA e análise de dados para detectar ameaças potenciais a ativos militares. Mas o MARSOC agora está avaliando as capacidades de defesa da máquina.

A unidade de comando das forças especiais tem dois cães-robôs equipados com o sistema de armas remotas SENTRY da Onyx Industries – um com um rifle calibre 7,62×39 mm e outro com um rifle calibre Creedmoor de 6,5 mm, disse Eric Shell, gerente de desenvolvimento de negócios da Onyx Industries, ao The War Zone.

Segundo Shell, os robôs foram usados em “trabalhos de túneis” e “segurança de perímetro”, mas se recusou a dizer onde. Em comunicado, o MARSOC disse que o Q-UGV estava sendo testado “como uma das muitas peças de tecnologia na avaliação de robótica terrestre”.

“O MARSOC não está implementando esta capacidade neste momento. As armas são apenas uma das muitas cargas úteis potenciais para esta peça de tecnologia, e outras podem incluir cargas úteis ISR ou EW”, continuou. “A MARSOC está ciente e segue todas as políticas do DoD sobre armas autônomas, e os comentários da Onyx Industries podem ser mais indicativos de suas ofertas atuais ou futuras.”

O robô é alimentado por um chip Nvidia Xavier e pode ser montado ou desmontado em apenas 15 minutos, conforme especificações da Ghost Robotics.

Em um teste de 2022, realizado pela Diretoria de Ciência e Tecnologia do Departamento de Segurança Interna dos EUA, os participantes acharam os controles do Vision 60 fáceis e seu software “intuitivo”.

FONTE:

https://epocanegocios.globo.com/tecnologia/noticia/2024/05/equipe-de-fuzileiros-navais-dos-eua-testam-caes-robos-com-rifle-e-comandados-por-ia.ghtml