mar 10

DNI: Aprenda a fazer sua Identidade Digital em quatro passos

Cada vez mais tudo ao nosso redor se torna digital, queremos tudo na palma da nossa mão e da forma mais rápida e simples possível. Com o avanço da tecnologia, pagamento de contas, agendamento de consultas ou um simples pedido de comida, por exemplo, podem ser feitos tudo pelo celular, e claro que não seria diferente com os nossos documentos pessoais. Chega daquele RG sobrevivente da máquina de lavar ou aquele CPF todo mordido pelo cachorro, aprenda a fazer seu Documento Nacional de Identificação digital (DNI) e não sofra mais..

Aprenda a fazer sua identidade digital Imagem: Reprodução/DNI

O DNI é uma nova possibilidade de documentação que reúne RG, CPF, Certidão de Nascimento e Título de Eleitor. Tudo em um único lugar. Ele é gerado por um aplicativo gratuito disponibilizado pelo Governo Federal e que pode ser acessado tanto por celulares Android, quando pelo iOS.

Aprenda a fazer sua identidade digital Imagem: Reprodução/DNI

A identidade digital é válida como os outros documentos impressos, com uma única ressalva que para conseguir gerar a identificação é necessário ter realizado o cadastro da biometria em um Cartório Eleitoral. Caso não tenha feito, você pode acessar o site da Justiça Eleitoral, clicar em seu estado e seguir as orientações indicadas, que te levará a uma página de agendamento do processo de cadastro biométrico.

Mas para você que já tem a biometria regularizada, vamos aos próximos passos.

Como gerar o DNI?

  1. O processo é dividido em duas etapas, uma online e outra presencial. Na primeira você precisa baixar o aplicativo e realizar um pré-cadastro.

 

Aprenda a fazer sua identidade digital Imagem: Reprodução/DNI

2. Feito isso, o sistema irá indicar um dos postos de atendimento para que você compareça presencialmente. Lembrando que devido a pandemia da covid-19 o funcionamento desses locais podem ser alterados.

3. No posto de atendimento serão checados e validados seus dados biométricos, fotos e todas as informações necessárias para a emissão do documento.

4. Com as informações aprovadas pela Justiça Eleitoral, o cidadão poderá emitir seu DNI através do seu smathphone.

O DNI foi aprovado pelo ex-presidente Michel Temer em 2018 com o objetivo de reunir os dados mais importantes dos cidadãos em um único documento.

FONTE: https://olhardigital.com.br/2021/03/10/dicas-e-tutoriais/dni-aprenda-a-fazer-sua-identidade-digital-em-quatro-passos/