nov 23

Conheça os 5 passos para empreender com uma fintech

Especialista lista 5 passos para começar uma fintech do zero.

Dos US$ 9,4 bilhões investidos em startups brasileiras no último ano, 40% foi destinado às fintechs. O volume segue crescente, pois o total captado no primeiro trimestre é 40,5% do valor captado em todo o ano de 2021, e praticamente o dobro em comparação com o mesmo período do ano anterior, segundo o fintech Report 2022.

“As fintechs apresentam grande crescimento e valorização. Por ser um negócio digital, os custos de se manter ou começar uma fintech do zero são bem menores, destaca Callebe Mendes, CEO da Zapay.

Veja abaixo cinco passos que o empreendedor lista para quem quer começar a trilhar uma trajetória empreendedora com uma fintech.

Passo 1: Encontre uma necessidade de mercado

Evite focar em encontrar uma ideia genial, mas sim em atender uma necessidade pela qual as pessoas já estão dispostas a pagar. Parece óbvio, mas essa é uma das principais causas de fracasso de muitas fintechs.

Justamente por isso, eu criei o método do Radar de Oportunidades, ensinado no curso, para procurar oportunidades promissoras de negócio (a possibilidade de atender melhor um grupo específico de pessoas, e de ser bem pago por isso). Dentre aquelas encontradas, selecione a que melhor se encaixa com o que você quer oferecer.

Passo 2: Valide a sua ideia

Depois de encontrar uma necessidade, pergunte: que solução vou oferecer? Como vou faturar? Mapeie se essa necessidade é real e se vale a pena entrar no mercado.

Direcione o seu foco para entender o que o seu potencial cliente precisa, e encontre soluções inteligentes que façam sentido para o seu contexto. Só assim, você torna a sua operação escalável e gera valor para quem compra de você.

Passo 3: Teste o seu produto

Depois de descobrir se vale atacar a necessidade, desenvolva um mínimo produto viável, que é um produto simples, com poucas funcionalidades, mas que seja suficiente para atender à necessidade do seu cliente. Vale montar uma página de vendas como se já tivesse o produto.

Anuncie para os clientes em potencial, converse com eles para conhecê-los, ouvir suas dores e dar forma ao produto ideal do seu negócio.

Passo 4: Registre seu negócio

Registre o seu negócio com o CNAE (Classificação Nacional de Atividades Econômicas) adequado. A sigla se refere ao código utilizado para identificar quais são as atividades econômicas exercidas por uma empresa.

Essa classificação oficial é adotada pelo Sistema Estatístico Nacional do Brasil e pelos órgãos governamentais. Sem isso, você não pode operar.

Passo 5: Busque parceiros

Busque empresas parceiras, que chancelam o seu negócio, e terceirize sua tecnologia com inteligência. Dessa maneira, você começa mais rápido e investindo menos, ou seja, economizando para outras necessidades do negócio sem deixar de lado a excelência do seu produto.

FONTE: https://www.terra.com.br/economia/dinheiro-em-dia/conheca-os-5-passos-para-empreender-com-uma-fintech,6d32b855f47f0cb2477336e20972df13i07i6xgo.html