jun 06

Como Produtores Comuns Estão Faturando 100x Mais Que Brasileiros – Num Território Menor Que Sergipe E Com Uma Das Terras Mais Caras Do Mundo

Uma Única Estratégia Que Qualquer Um Pode Aplicar Para Lucrar Absurdamente Mais Com O Agronegócio, Ainda Em 2019

“Como produzir mais com menos, sem aumentar os custos?”  

Quem trabalha com agronegócio sabe que essa é a pergunta de um milhão de dólares muitos e muitos milhões de dólares.

Mas enquanto o agricultor brasileiro sofre com problemas primitivos, como falta de conectividade entre as fazendas e desperdícios de produção…

Há quem já tenha conseguido a resposta da pergunta multimilionária – e esteja fazendo fortunas com ela.

A boa notícia? Agora, você também pode ter essa resposta.

Antes de te mostrar como, quero que você entenda melhor do que estamos tratando aqui…

Veja, estes agrônomos não tiveram sorte nem possuem as terras mais férteis do mundo.

Na verdade, o país onde vivem é tão diminuto que caberia facilmente dentro do Rio de Janeiro, com seus 41.500km².

E como se isso já não fosse suficientemente pequeno…

A área aproveitável da região para a agricultura é de pouco mais de 10.000km² – metade da área de Sergipe, o menor estado brasileiro.

Acha que as dificuldades acabaram por aí? Nada disso.

É também uma das regiões agrícolas mais caras do mundo, em torno de 63.000 euros o hectare.

Só para você ter uma ideia do quão caro é isso:  em Ribeirão Preto, uma das regiões mais valorizadas de São Paulo, o preço do hectare gira em torno de 36.000 reais.

Convertendo, isso dá 8.000 euros… quase 8 vezes menos.

Estas já seriam dificuldades suficientes para fazer muita gente desistir desse mercado na hora… mas não esses caras.

Mesmo com tudo para dar errado, transformaram seu país numa verdadeira potência do agronegócio.

Estamos falando da 2ª maior exportadora de produtos agropecuários do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos, cujo território é 230 vezes maior.

De cada hectare ocupado pelo setor… o país tira uma receita anual de 114.000 dólares com exportações.

Mais de 100 vezes o valor obtido pelo Brasil. 

A essa altura, você deve estar se perguntando 2 coisas:

  • De onde vêm esses agrônomos?
  • Como eles estão fazendo esse milagre?

A primeira resposta eu posso te dar agora…

Estes homens vêm da Holanda – um país que tinha tudo para dar errado no agronegócio, como você viu.

Talvez você esteja pensando algo como: “Mas lá é um país de primeiro mundo! Eles possuem menos burocracia, corrupção e, provavelmente, mais incentivos fiscais!”

Mas sabemos que isso não seria suficiente para justificar o fato de um país com terras tão escassas e onerosas ser um dos maiores exportadores do mundo.

Dito isso, vamos logo para a segunda pergunta…

Como eles estão fazendo esse milagre?

E melhor: como você pode tirar vantagem desse conhecimento para aplicá-lo no seu negócio… e… faturar 2, 3 ou até 4 vezes mais?

É o que pretendo te mostrar até o final deste texto…

Ao contrário do que alguns podem pensar, o segredo do sucesso holandês não vem de players gigantescos.

Na verdade, muito pelo contrário.  A força do agronegócio do país vêm justamente de pequenos produtores familiares, porém…

Altamente tecnificados.

A pergunta de um milhão de dólares muitos milhões de dólares dos holandeses era a seguinte:

“Como expandir minha produção… se não posso expandir minhas terras?”

Parecia um enigma impossível de ser resolvido.

Aumentar o número de funcionários? Não… Isso aumentaria os custos e, tratando-se de um país que tem um dos salários mínimos mais altos do mundo (equivalente a 7200 reais), isso seria totalmente inviável.

Como seria possível produzir mais com menos terras… em um mercado com tanta concorrência… e com custos astronômicos?

Certamente, aquele que conseguisse a resposta teria uma mina de ouro em mãos… E eles conseguiram.

A resposta era incrivelmente simples… Tecnologia.

Foi exatamente assim que Petra Barendse – que antes era professora da escola primária – e seu marido conseguiram catapultar a sua pequena produção de pimentões e tomates.

Você consegue imaginar quantos gastos desnecessários você iria eliminar ao produzir até 3 vezes mais… no mesmo espaço de terra?

Foi o que eles fizeram…

Começaram em um humilde lote de 47 hectares, e hoje abastecem Alemanha, Reino Unido e até Japão.

Tudo isso por causa de uma única coisa: tecnologia.

Em suas estufas, sensores estão por toda parte monitorando a temperatura, ventilação, luminosidade e umidade do ar…

Softwares controlam a quantidade de água e de fertilizantes que deve ser fornecida às plantas…

Carrinhos automáticos auxiliam na movimentação dos produtos dentro das estufas…

Máquinas tiram fotos no final da linha de produção, para reconhecer a dimensão dos pimentões e embalá-los adequadamente conforme seu peso e diâmetro…

Tudo isso faz com que Petra fature milhões todos os anos – em menos espaço e com menos funcionários.

É o sonho realizado de todo profissional do agronegócio.  E que agora… já não é mais um sonho distante.

Sim, hoje você pode ter acesso ao mesmo tipo de tecnologia que está fazendo os holandeses faturarem até 100x mais em espaços 100x menores.

E, não, você não vai precisar fazer investimentos exorbitantes que só dão resultados a longo prazo – já vou te explicar como.

Agora, consegue imaginar o quão longe o seu negócio vai chegar… quando você tiver acesso a este conhecimento indisponível para 90% dos produtores brasileiros?

Você não acha que vai lucrar 2, 3 ou até 4 vezes mais… quando souber exatamente em quais tecnologias investir para escalar seu negócio?

Pois para isso… você precisará fazer uma decisão neste exato momento. Veja bem:

Você pode ignorar tudo que eu te disse até aqui e continuar com os mesmos resultados de sempre…

Ou…

Você pode clicar neste link e descobrir o que agricultores brasileiros já estão fazendo para ter acesso a esse tipo de conhecimento e tirar vantagem da tecnologia para lucrar o máximo possível.

Este link irá te encaminhar para o AgroTech Conference 2019, o único evento do Brasil focado em trazer as últimas soluções e tendências tecnológicas – como essas que estão enriquecendo os produtores holandeses – para profissionais do agronegócio.

Quem comparecer ao evento terá acesso a:

  • Técnicas práticas e aplicáveis para implementar no seu negócio
  • Conteúdo fechado e exclusivo feito por palestrantes referência no mercado agro mundial
  • Oportunidades de fechar negócio com as maiores startups de tecnologia com foco em agronegócio do Brasil

E muito mais…

Se você trabalha (direta ou indiretamente) neste setor e quer fazer parte disso, clique aqui e garanta sua presença no AgroTech Conference 2019.

PS: Se você correr, ainda dá tempo de garantir um super desconto de pré-venda!

FONTE: STARTSE