nov 09

Banco Best antecipa acesso a conta bancária a fintechs

O Best Open Banking é uma solução que está já a aceitar que entidades terceiras acedam a contas bancárias de clientes do banco.

O Banco Best, do grupo Novo Banco, antecipou a possibilidade de entidades terceiras, como fintechs, acederem a dados bancários dos seus clientes no âmbito da disponibilização de novos serviços financeiros. A diretiva europeia de serviços de pagamentos, que estará em vigor em setembro de 2019, força os bancos a deixar que outras entidades acedam aos dados bancários dos seus clientes, desde que estes autorizem.

Com a nova diretiva, clientes bancários podem passar aceder a todas as suas contas bancárias numa só aplicação, por exemplo, fornecida por entidades como fintechs, ou fazer pagamentos, compras ou transferências. O Best Open Banking é uma solução que está já a aceitar que entidades terceiras acedam a contas bancárias de clientes do banco. “Sabemos que o futuro passa por estas plataformas abertas”, disse António Ramalho, presidente executivo do Novo Banco na apresentação da plataforma de open banking do Banco Best. Para Madalena Torres, presidente executiva do Banco Best, o sector da banca enfrenta uma mudança estrutural e o banco pretende antecipar-se a ela. “Resistir não é uma boa estratégia”, afirmou na mesma apresentação, esta quarta-feira. “Ao darmos este passo por antecipação o que estamos, no fundo, é a dar visibilidade a esta característica de open banking do Best” e atrair novos parceiros, adiantou. “Passamos de uma banca fechada para uma banca aberta”, frisou. A solução do Best ainda deverá sofrer alterações quando ficarem definidos os requisitos exigidos pela diretiva. O Best criou um site para que os programadores de empresas interessadas em se ligarem ao Best possam ensaiar os testes necessários para poderem ser feitas transações por clientes do Best.

FONTE: DINHEIRO VIVO