Aprenda como lançar uma startup sem investir dinheiro

Concentrar todos os seus esforços na captação de recursos enquanto você está no estágio da ideia é um grande erro.

Com a cobertura constante da mídia sobre startups recebendo dezenas de milhões de dólares em rodadas de investimento, os fundadores das empresas iniciantes podem ter uma impressão errada sobre como tirar a sua ideia do papel.

Concentrar todos os seus esforços na captação de recursos enquanto você está no estágio da ideia é um grande erro, especialmente se você não tiver pelo menos uma experiência bem-sucedida nas costas. Isso porque os investidores de startups geralmente estão dispostos a arriscar seu capital apenas quando veem uma tração real no projeto.

Consequentemente, você teria que passar pelas fases de inicialização da ideia e validação sem nenhum investimento externo. E se você não tiver economias pessoais suficientes, isso significa que você terá que fazer isso de alguma forma sem gastar dinheiro.

Sua primeira tarefa é começar a construir seu produto mínimo viável (MVP) para poder testar e validar sua ideia. Embora isso possa ser caro, na maioria dos casos também pode ser feito com apenas uma taxa de assinatura de alguns serviços.

Veja quatro dicas para dar tração a sua startup sem dinheiro

1. Valide sua ideia sem construir nada
Crie uma página online que descreva sua oferta e faça pré-vendas (limitadas).

Vender algo sem ter nada para vender ainda é um pensamento muito incômodo, mas está se tornando padrão da indústria e é uma das formas mais seguras de testar se sua ideia tem potencial ou não.

Construir uma página online hoje em dia definitivamente não requer nenhum conhecimento técnico. Existem muitos criadores de páginas sem código de baixo custo, e obter ativos de design básicos também é bastante barato.

Dessa forma, você pode testar sua oferta com seu mercado-alvo e ver se consegue chamar a atenção e, o mais importante, a receita. Caso contrário, você pode usar as mesmas ferramentas para alterar sua oferta de forma barata e rápida e repetir o teste para ver se isso melhora seus resultados.

2. Use ferramentas sem código para criar seu produto
Em 2023, as ferramentas sem código estão se tornando cada vez mais avançadas. Essa é uma tendência que vai aumentar exponencialmente, principalmente com a introdução da IA capaz de codificar.

Isso significa que você pode construir muito mais do que uma simples página de destino com muito pouco conhecimento técnico. Existem muitos serviços sem código por aí que você pode misturar e combinar para unir a versão alfa do seu produto.

Se você conseguir ganhar tração, poderá reinvestir seus lucros para contratar uma pessoa técnica ou pode usar sua tração para levantar dinheiro de um investidor inicial, o que se torna muito mais provável se a tração que você está vendo indicar que você encontrou o produto certo.

3. Forme uma equipe de fundadores com todas as habilidades necessárias para construir e vender seu produto
Se não for possível construir sua ideia exclusivamente com ferramentas sem código e você precisar de soluções técnicas personalizadas mais complicadas, deverá envolver um cofundador técnico na equipe.

Isso também é verdade para outras habilidades. Embora dois ou três cofundadores sejam ideais, não há limite para o número de pessoas que você pode envolver em sua equipe de fundadores.

Se essas pessoas acreditarem na ideia e forem devidamente motivadas por uma participação no projeto, você poderá obter muitas habilidades, experiência e mão de obra sem ter que investir dinheiro em salários. Uma equipe fundadora competente pode facilmente produzir e vender um produto mínimo viável de alta qualidade gastando quase nada.

4. Use o marketing de pagamento por conversão
Finalmente, um dos maiores sugadores de dinheiro nos estágios iniciais é o marketing. Você pode facilmente gastar muito dinheiro promovendo seu MVP e obter um retorno muito baixo – especialmente se você ainda não encontrou um bom produto no mercado.

É por isso que, desde o início, você precisa restringir suas estratégias de marketing para startups àquelas que não exigem investimento.

Em outras palavras, você precisa se concentrar em atividades de marketing que pode fazer por conta própria gratuitamente (ou seja, marketing de conteúdo) ou precisa encontrar parceiros que estejam dispostos a vender seu produto com base no pagamento por conversão. Claro, isso é muito mais difícil do que pagar pessoas para anunciar você, mas pode ser sua única opção.

Além disso, como seu objetivo principal é testar sua ideia e ganhar tração inicial, até mesmo parceiros de pequena escala podem fazer um ótimo trabalho para levar sua oferta a clientes em potencial.

FONTE: https://forbes.com.br/forbes-money/2023/07/aprenda-como-lancar-uma-startup-sem-investir-dinheiro/#foto4