jul 21

Apple promete atingir total neutralidade de carbono até 2030

Para tal, a empresa deve reduzir em 75% suas emissões, além de desenvolver soluções inovadoras de extração dos 25% restantes de toda sua pegada de carbono

As operações corporativas da Apple são 100% livres de carbono desde abril. Agora, a empresa promete ir ainda mais longe: até 2030, a companhia quer tornar todos os seus produtos neutros em carbono, assim como sua cadeia de suprimentos inteira.

A Apple fez o anúncio como parte de seu relatório de progresso ambiental de 2020. O anúncio foi feito por meio do vídeo abaixo, no qual um homem sussura para um bebê e promete que a Apple fará melhor quando a criança tiver dez anos.

Para tal, a Apple deve reduzir em 75% suas emissões, além de desenvolver soluções inovadoras de extração dos 25% restantes de toda sua pegada de carbono. A empresa usará materiais reciclados e de baixo carbono, reciclagem de produtos e design com eficiência energética.

A Apple seguirá usando energia renovável, e fará o possível para convencer seus fornecedores a adotarem a energia limpa. A fabricante de iPhones também está investindo em florestas e outras soluções naturais como uma forma de remover o carbono da atmosfera.

Mudanças nos dispositivos

Recentemente, descobrimos que os próximos iPhones podem ser vendidos sem um carregador na caixa do dispositivo. Isso pode ser um esforço da empresa para reduzir o desperdício, ao não enviar um carregador para pessoas que possivelmente já têm um (ou pode ser apenas uma forma de economizar dinheiro).

De qualquer forma, essa retirada pode sugerir os tipos de mudanças que os consumidores verão durante a empreitada da Apple pela meta de ser totalmente livre de carbono em até 10 anos.

“A ação climática pode ser a base para uma nova era de potencial inovador, criação de empregos e crescimento econômico durável”, afirmou o CEO da Apple, Tim Cook, em comunicado. “Com nosso compromisso com a neutralidade do carbono, esperamos ser uma onda no lago que cria uma mudança muito maior”.

De acordo com o relatório de progresso ambiental, a Apple reduziu sua pegada de carbono em 4,3 milhões de toneladas em 2019, além de diminuir suas necessidades de eletricidade em quase um quinto, economizando US$ 27 milhões. A empresa afirmou que, nos últimos 11 anos, reduziu a energia média necessária para usar seus produtos em 73%.

FONTE: https://olhardigital.com.br/noticia/apple-promete-atingir-total-neutralidade-de-carbono-ate-2030/103838