abr 29

Alta demanda por desenvolvedores eleva média salarial em Back-End

A digitalização do trabalho tomou maiores proporções com a pandemia de Covid-19. Para acompanhar a nova dinâmica, aumentou-se a busca por desenvolvedores, gerando ainda mais concorrência entre profissionais que já eram escassos no mercado. Principalmente na área de Back-End.

 Para se ter ideia, a demanda por desenvolvedores representou 26% das vagas em 2020, sendo 60% para posições seniores, 15% plenos e 25% para especialistas. Já em 2021, considerando os primeiros meses, já são 17% das vagas abertas, sendo 50% seniores, 15% plenos e 35% especialistas.

Os dados são de estudo realizado pela Intera, startup de recrutamento digital, com mais de 5,33 mil engenheiros de softwares, desenvolvedores e tech leads, e 54 empresas clientes da Intera.

Média salarial oferecida pelas empresas para Back-End juniores e pleno está acima da expectativa. Imagem: enciktepstudio/Shutterstock

Salário acima da expectativa

O levantamento revelou que, em geral, a média salarial oferecida pelas empresas/startups para Back-End juniores e pleno está acima da expectativa, exceto para cargos mais seniores, em que a oferta estimada pelos candidatos é maior.

Para vagas de Back-End juniores, as empresas oferecem uma média de R$ 4,5 mil a R$ 5,5 mil, enquanto os profissionais possuem uma expectativa de R$ 3,2 mil e R$ 3,7 mil, e para vagas de nível pleno as empresas oferecem uma faixa de R$ 6,8 mil a R$ 8,5 mil frente a uma expectativa de R$ 7 mil a 7,5 mil dos profissionais.

Considerando os profissionais sêniores, enquanto as empresas oferecem salários entre R$ 7,7 mil e R$ 10,8 mil, eles estão buscando valores entre R$ 12,1 mil e R $12,6 mil. O maior salário registrado para sênior Back-End Engineer ficou em R$ 18 mil, cuja linguagem técnica exigida para ocupar essa vaga era Java, oportunidade com maior salário. Já o menor salário para posição de desenvolvedor Java júnior é de R$ 4 mil.

Por fim, a pesquisa elencou os motivos pelos quais os talentos não se interessaram por uma nova oportunidade na área de Back-End. 32,25% responderam estarem satisfeitos na empresa atual, enquanto 17% não estava buscando oportunidades no momento. Apenas 7% afirmaram não ter identificação com a vaga.

FONTE: https://olhardigital.com.br/2021/04/29/pro/alta-demanda-por-desenvolvedores-eleva-media-salarial-em-back-end/