jul 04

Agritech exporta mais de mil microtratores para a República do Senegal e Gana

No início de junho, os agricultores da República do Senegal e Gana participaram de treinamento na entrega dos equipamentos sobre a manutenção técnica.

A Agritech concluiu a exportação de 1.085 microtratores modelo TC 14 (14 cv) e 3.750 implementos agrícolas, entre sulcadoras, arados, encanteiradores, plantadeiras, carretas e enxadas rotativas, para os países da África Ocidental: República do Senegal e Gana. Os equipamentos têm o objetivo de ajudar amplamente no desenvolvimento agrícola dos dois países, que possuem grande parte da população economicamente ativa empregada no setor.

O primeiro embarque dos produtos Agritech para os países africanos foi em 2014, por meio do Programa Mais Alimentos Internacional – PMAI, quando foram enviados 36 tratores modelo 1175, 30 microtratores modelo TC 14 e 10 roçadeiras.

“Realizar uma operação como esta é muito importante porque nos permite alavancar as vendas. Essa é mais uma grande vitória para a nossa empresa que contou com muito esforço dos nossos colaboradores e fornecedores, pois em apenas cinco meses produzimos 1.085 microtratores. Com este despacho, concluímos o contrato que foi assinado pelo governo brasileiro há quatro anos com estes países”, comemora o gerente nacional de Vendas da Agritech, Nelson Watanabe.

Ao todo foram exportados para Gana 1.000 microtratores TC 14 (14 cv), 1.000 enxadas rotativas, 500 sulcadoras, 500 arados, 500 rodas para arado, 500 rodas amassadora e 250 kits de encanteirador. Já a República do Senegal recebeu 85 microtratores TC 14 (14 cv), 85 enxadas rotativas, 85 arados, 85 carretas, 75 plantadeiras para microtrator, 70 rodas amassadoras e 15 rodas para arado.

Produtores participam de treinamentos com técnicos Agritech

No início de junho, os agricultores de Gana participaram de treinamentos na entrega dos equipamentos sobre a manutenção técnica, bem como receberam orientações sobre operação segura e melhor aproveitamento dos implementos e microtratores fornecidos.

A capacitação foi promovida pelo coordenador de Negócios – Departamento de Exportação, Wagner da Silva e, pelo coordenador Técnico – Departamento Pós-Venda, Everton Fabiano Rodrigues.

“Nas regiões em que foram realizadas apresentações e treinamentos com os microtratores e implementos predominam a existência de agricultores com áreas agrícolas em pequenas extensões, similar a nosso agricultor familiar. Em sua maioria são produtores de arroz em sistema irrigado entre outros cultivos, como horticultura. A nossa linha de produtos, microtratores e implementos, se encaixaram muito bem às necessidades desses agricultores, o que gerou boas expectativas, quanto a melhorias nas condições de trabalho e produção”, relata o Coordenador de Negócios.

O Programa Mais Alimentos Internacional estabelece uma linha de crédito concessional para o financiamento de exportações brasileiras de máquinas e equipamentos destinados à agricultura familiar e fornecer apoio a projetos de desenvolvimento rural para o fortalecimento da produção da agricultura familiar, por meio da cooperação técnica e do intercâmbio de políticas públicas.

Coordenado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, atualmente integram o Programa: Zimbábue, Moçambique, Senegal, Gana, Quênia e Cuba.

FONTE: GRUPO CULTIVAR