mar 05

6 usos corporativo de drones

Alert System aponta aplicações como auxílio no resgate de pessoas e vistoria de fachadas e telhados de edifícios.

Apesar da tecnologia de drones já ser utilizada desde meados da década de 60 para funções militares, por países como Estados Unidos e Israel, é bem recente a sua popularização e utilização por parte de empresas, organismos públicos e até o seu uso recreativo no Brasil. Em 2017, entrou vigor, inclusive, a primeira regulação da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) quanto a utilização das aeronaves não tripuladas em solo brasileiro.

Equipados com câmeras de alta qualidade, o que permite monitorar e captar imagens de vastas áreas, a sua aplicação para garantir a segurança e proteção de vidas começou a ganhar maior aderência comercial pela acessibilidade e assertividade na hora de identificar problemas e conter danos.

Ainda mais resistente e modernos, os equipamentos ganharam versatilidade e utilidade ao aumentar os níveis de proteção e ainda facilitar ações de emergência em caso de invasões ou outras adversidades. No Brasil, o interesse pelas diversas aplicações da tecnologia de drones integrada a sistemas de segurança eletrônica cresce ano após ano, já que pode ser uma alternativa no combate à criminalidade.

“Cada vez mais empresas estão optando pela utilização dos drones. A indústria tem conseguido otimizar processos reduzindo por exemplo o efetivo de seguranças com a função de fazer rondas no perímetro e ainda promover maior segurança aos profissionais contratados, que não ficam expostos a riscos desnecessários. Vale pensar, por exemplo, que havendo a suspeita de algum problema, não é preciso deslocar pessoas até o local do provável incidente. O drone pode ser enviado, garantindo a transmissão de imagens em tempo real e a segurança dos colaboradores”, explica Mauro Sergio Peres, diretor comercial da Alert System, responsável pelo desenvolvimento de sistemas de monitoramento e programas de segurança com a utilização de IoT para os maiores playres da indústria brasileira.

Seja como uma solução de segurança integrada ou como equipamento utilizado em situações pontuais, os drones já são considerados importantes aliados na execução de diversas atividades cotidianas, seja para uso comercial ou pessoal. Confira aqui algumas das aplicações da tecnologia no Brasil:

1. Vistoria de fachadas e telhados de edifícios

O trabalho de vistoria de fachadas e telhados é realizado como forma de manutenção, detecção e correção de problemas. O uso do drone elimina a necessidade de enviar profissionais para o alto de edifícios e evita assim expô-los a diversos riscos. Além de tornar a vistoria mais segura, o uso do drone agiliza e otimiza o trabalho. Isso porque, além de reduzir o tempo gasto, permite que as imagens capturadas pela câmera sejam registradas com mais facilidade e utilizadas para eventuais consultas.

2. Pesquisa de solo e terrenos

O tempo que um drone gasta para sobrevoar uma área também é uma vantagem para a realização de pesquisa de solos e terrenos. Isso porque, além da agilidade, o equipamento pode ser equipado com câmeras de alta resolução que fornecem uma fotografia detalhada do local. Assim, é possível identificar sua situação e características e avaliar sua viabilidade para atividades diversas, desde o plantio a construções variadas.

3. Plantio em áreas de reflorestamento, lavouras e fazendas

Graças às câmeras, drones podem ser utilizados para sobrevoar e mapear áreas de reflorestamento e plantio (agricultura). Após fazer o reconhecimento da área, o equipamento pode ser utilizado para soltar sementes pelo solo. Para tanto, o drone precisa ser preparado para carregar sementes pré-germinadas e hidrogel nutritivo, capaz de criar as condições ideais para o desenvolvimento das sementes.

4. Auxílio no resgate de pessoas

Por serem menores e mais ágeis do que helicópteros, drones podem ser bastante úteis no resgate de pessoas. Sobrevoando a área de risco, podem ajudar a equipe de resgate a localizar vítimas que estejam, por exemplo, perdidas numa região de trilha ou em alto mar. O equipamento pode, ainda, ser utilizado para levar a essas pessoas suprimentos, kit de primeiros socorros ou boias salva-vidas.

5. Entrega de mercadorias

Os drones podem ser utilizados para a entrega de mercadorias em tempo recorde. Capaz de driblar o trânsito das cidades, o equipamento pode realizar o transporte de forma ainda mais ágil do que os motoboys. Nesses casos, câmeras podem ser usadas para monitorar o drone, fornecendo imagens do trajeto e, também, garantindo a segurança do equipamento. Muitas empresas já estão testando o seu uso para tal finalidade.

6. Realização de filmagens aérea

O drone pode ser utilizado para a realização de filmagens aéreas para registros simples e com finalidades diversas. O recurso pode, também, servir para a realização de rondas periódicas de perímetro, sobrevoando áreas que tenham pouco movimento, que sejam mais distantes ou que sejam mais suscetíveis a riscos.

FONTE:  ITFORUM 365